TCE ABRIL 16 A 22/04
Menu
segunda, 19 de abril de 2021
COVID CONFLITO
Geral

Obreiro é indiciado e abusos ocorriam na casa dele, diz polícia do DF

O suspeito é acusado de abusar de sete crianças e ele se voluntariava para cuidar dos menores de idade

07 abril 2021 - 14h00Por Vinicius Costa

O obreiro, de 50 anos de uma igreja evangélica foi indiciado pela Polícia Civil do Distrito Federal. O suspeito é acusado de abusar de sete crianças durante os cultos religiosos, em Planaltina, e ele se voluntariava para cuidar das crianças. O crime acontecia, por vezes, na casa do acusado.

A investigação apontou que no ano de 2017 uma ocorrência foi registrada em desfavor do suspeito que teria cometido um abuso contra duas crianças, ocorridas no ano de 2003 e 2005.

A Polícia Civil descobriu que além de ficar afastado em um parquinho com as crianças, o obreiro praticava os crimes sexuais contra os menores de idade em sua casa.

Segundo a investigação, ele cuidava de várias crianças enquanto as mães e a própria mulher tiravam seus tempos para ensaiar cantos religiosos. Uma das vítimas era sua própria sobrinha e as crianças, na época, tinham de 6 a 10 anos.

“Mesmo passados muitos anos, foi possível colher elementos de prova robustos, que comprovam os indícios de autoria e a materialidade dos crimes”, afirmou o delegado Diogo Barros.

O Conselho Tutelar da cidade e lideranças religiosas colaboraram na investigação e indicaram uma das vítimas do abuso.