Menu
terça, 07 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
TRE
Geral

PMs se encontram com bebê que salvaram por telefone

Mãe entrou em desespero ao perceber que a filha de três dias havia se engasgado com o leite e não estava respirando

30 novembro 2018 - 10h56Por Da redação / Diário de Canoas

“A Melissa tem poucos dias de vida e já é uma guerreira”, elogiou o soldado Gillard Saraiva dos Santos, um dos PMs responsáveis pelo salvamento da recém-nascida em Canoas-RS. A mãe dela, Bruna Rafaela Sterb, já em estado de desespero, ligou para o 190 da Brigada Militar (BM) dizendo que a filha de três dias se engasgou com o leite e não estava respirando.

“Atendemos a ligação já aos gritos”, conta o soldado Saraiva, do 33º Batalhão da Polícia Militar (BPM) de Sapucaia do Sul. “Comecei tentando acalmar a mãe. E então conversamos sobre tudo o que deveria ser feito”, recorda. “Virar de bruços não funcionou. Então foi preciso aspirar o leite que a criança tinha tomado pela boca”, aponta. “Quando ouvi a neném chorando do outro lado da linha, me emocionei”, suspira. “Em dez anos de Brigada, nunca tinha vivido nada parecido.”

Linha cruzada

Não é comum que uma ligação para o 190 em Canoas vá parar na sede da Brigada em Sapucaia. Felizmente, deu tudo certo. Participaram do resgate os soldados Gillard Saraiva dos Santos, Guilherme Gonçalves Rodrigues e Sérgio Formentim da Silveira. Os três estiveram na residência onde mora a família, no bairro Harmonia, na quarta-feira.

Em paralelo a conversa no telefone entre a mãe e os soldados, brigadianos do 15º Batalhão da Polícia Militar (BPM) de Canoas correram até o endereço na Avenida dos Imigrantes. Quando chegaram ao local, constataram que a criança estava bem.