TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
domingo, 26 de junho de 2022 Campo Grande/MS
GOV ENERGIA ZERO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
GOV CRESCIMENTO JUNHO 2022
Geral

Sofia abre olho pela 1ª vez após colar pálpebra com Super Bonder

Menina de 2 anos passou por tratamento ocular na terça

22 junho 2022 - 15h49Por Nathalia Pelzl

A pequena Sofia Gabriele, de 2 anos, que passou seis dias com o olho grudado com cola Super Bonder, abriu o olho pela primeira vez nesta quarta-feira (22). 

A menina passou por tratamento ocular na terça (21/6), no Hospital de Base do Distrito Federal, e precisou remover todos os cílios do olho direito.

“Está sendo um alívio gigantesco. Perceber que ela não teve sequelas após quase uma semana sendo negligenciada é uma vitória muito grande. Tudo que nós queríamos ela era bem”, comemorou Banita Garcia, 37 anos, madrinha da Sofia.

O procedimento que Sofia passou era delicado, pois havia chances de lesionar a córnea. Agora, a menina deve seguir o tratamento com um oftalmologista a fim de evitar sequelas.

ACIDENTE 

O acidente aconteceu na quinta-feira (16/6), enquanto Sofia brincava em casa, no P Sul, em Ceilândia. Ao perceber que a criança estava com cola no olho, a mãe da menina, Naiane de Souza, 34, iniciou os primeiros socorros e lavou os olhos de Sofia. Em seguida, entrou em contato com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que a levou para o Hospital de Base.

A equipe médica examinou Sofia e informou que Naiane deveria voltar para casa e lavar os olhos da criança com Coca-Cola. Somente depois de passar por avaliação em uma clínica especializada, a cuidadora de idosos descobriu que a garota teria de passar por um procedimento cirúrgico no olho direito.

“A orientação foi que a gente passasse refrigerante nos olhos, nas mãos e fizesse compressa com água morna. A gente até passou nas mãos e os dedos descolaram, mas a gente não ia aplicar nos olhos. Os médicos fizeram pouco caso”, contou Naiane.

Ao Metrópoles, Naiane declarou que sofreu negligência médica e que, caso a filha tivesse passado mais tempo com cola nos olhos, poderia ter tido “problemas bem mais sérios”.