Menu
quarta, 28 de fevereiro de 2024 Campo Grande/MS
PREFEITURA CAMPO GRANDE FEVEREIRO 2024
Campo Grande

Inconformado, pai apela à justiça divina após morte de filho esfaqueado por usuário de drogas

Renato estava trabalhando quando discutiu com o suspeito e levou sete facadas

06 fevereiro 2024 - 08h22Por Felipe Dias

Bastante abalado com a morte do filho, o pai de Renato Novaes do Santos, de 36 anos, que morreu nesta segunda-feira (5) após levar sete facadas, pede justiça.

Nas redes sociais, o homem se despediu do filho bastante inconformado. "Meu filho, um drogado interrompeu a sua vida com sete facadas, mas nas palavras de Deus está escrito que quem com ferro fere, com ferro será ferido. Ele veio para matar, mas eu creio que Deus fará a Justiça", afirmou desolado.

O pai ainda se despediu do filho e relembrou a morte precoce de Renato. "Segure nas mãos de Deus e vai meu filho. Tinha 36 anos, com muita caminhada pela frente. Em tuas mãos, meu Deus, entrego essa peleja", escreveu.

Renato morreu nesta segunda-feira (5), após levar sete facadas no Cabreúva, em Campo Grande. Ele estava internado na Santa Casa de Campo Grande, desde sábado (3), quando o crime aconteceu.

Santos estava fazendo manutenção em um campo de futebol que fica próximo à Feira Central, quando, segundo populares, ele se desentendeu com um usuário de drogas. Os dois discutiram, o autor foi embora e voltou com uma faca.

Os dois acabaram trocando socos, Renato caiu e o criminoso aproveitou e desferiu sete facadas na vítima. Um dos golpes atingiu o fígado.

Ele chegou a ser encaminhado para a Santa Casa, onde ficou internado em estado grave, mas não resistiu aos ferimentos.