Menu
sábado, 21 de maio de 2022 Campo Grande/MS
ASSEMBLEIA MAIO DE 2022
In Memoriam

'Orei pra você reagir': família dá adeus a Gabriel, morto em batida na Vila Nasser

Muitos parentes dizem que ainda não acreditam que ele partiu

13 maio 2022 - 15h00Por Thiago de Souza

Irmãos e primos de Gabriel da Silva Nunes, 24 anos, se despediram do rapaz, morto em batida de moto e caminhão, na manhã desta quinta-feira (12), em Campo Grande. Uma irmã disse que orou para que ele continuasse a viver. 

Foram várias as mensagens de carinho e adeus para Gabriel, nas redes sociais. Uma das mensagens mais emocionantes, foi da irmã dele. 

''É irmão, você me cuidou tanto, me protegeu pra que isso não acontecesse comigo primeiro. Orei tanto para você reagir’’, desabafou a familiar. Ela se referia ao período em que o motociclista ficou internado na Santa Casa. A família chegou a fazer campanha para doação de sangue para Nunes. 

Um primo também usou o Facebook para exaltar a passagem de Gabriel pela terra. 

''... a vida é um sopro. Vivemos muitas coisas juntos. Um grande pai, não tenho nada a reclamar da vida em que passamos juntos’’, escreveu o parente. 

''Eu carrego o mesmo sangue dele, as fotos, os abraços, as lembranças, tudo um pedaço de mim que vai agora. Eu não sei o que fazer com essa dor'', desabafou outra familiar. 

Tanto o primo como outros amigos de Gabriel, garantiam que a ‘’ficha não caiu’’, ao se referir à morte do rapaz. 

''Tá muito difícil de acreditar'', escreveu outra mulher. 

Conforme postado por uma familiar, o velório deve começar às 17h desta sexta-feira (13) e o enterro programado para às 9h, deste sábado (14). A cerimônia acontece na Pax Universo, na rua 13 de Maio.  
 

Moto de Gabriel se chocou contra carreta. (Foto: Itamar Buzzatta)

Batida

Conforme testemunhas, Gabriel pilotava uma Honda Biz e teria invadido a preferencial, na rua Micael V. Ferreira. Ele atingiu uma carreta boiadeiro, que vinha pela rua São Ramon. 

O motociclista bateu a cabeça no chassi do veículo pesado e ficou em estado grave. Ele foi socorrido e levado até a Santa Casa, local onde não resistiu.