Menu
Busca sexta, 24 de janeiro de 2020
In Memoriam

Pecuarista renomado morre aos 101 anos em Campo Grande

Renato Alves Ribeiro era padrasto do prefeito de Aquidauana, Odilon Ribeiro

17 agosto 2019 - 08h46Por Thiago de Souza

O pecuarista Renato Alves Ribeiro morreu, nesta sexta-feira (16), em Campo Grande, aos 101 anos de idade. Ele tinha propriedade no Pantanal e morava em uma residência tradicional na rua 15 de Novembro.

Renato era irmão do ex-prefeito Tico Ribeiro e de Lourdes Fragelli, também falecidos, e padrasto do atual prefeito de Aquidauana, Odilon Ribeiro (PSDB).

Doente há alguns anos, segundo o O Pantaneiro, Renato vivia em uma UTI montada em sua residência em Campo Grande aos cuidados da esposa Maria Tereza.

História

Empreendedor em diversas áreas como a pecuária, Renato Ribeiro era tido como um grande benemérito mantendo em Campo Grande diversas instituições filantrópicas como hospitais e entidades beneficentes.

Em Aquidauana era proprietário da Fazenda Taboco sendo autor de um dos livros mais importantes sobre o Pantanal – "Taboco – 150 anos – Balaio de Recordações".

O velório começou nesta sexta-feira (16),  e prossegue neste sábado. O enterro estava programado para às 9h30, no Parque das Primaveras, em Campo Grande.