TCE MAIO
(67) 99826-0686

Brasileiro sofre sequestro-relâmpago e suspeitos são falsos vendedores na fronteira

Vítima foi deixada no lado paraguaio e teve dinheiro roubado

4 DEZ 2016
Thiago de Souza
16h30min
Crime ocorreu próximo a linha internaciona Brasil/Paraguai Foto: Mapio.net

Um brasileiro de 61 anos sofreu um sequestro-relâmpago em Ponta Porã, quando havia estacionado seu carro para fazer compras no lado paraguaio da fronteira, às 9h30 deste domingo (4). 

A vítima parou o carro em frente ao horti-fruti Verdurão, momento em que dois homens disfarçados de vendedores ambulantes ofereceram produtos a ele. O homem então abaixou o vidro para conversar, quando um dos suspeitos, com sotaque brasileiro, apontou um revólver para ele e ordenou ‘chega para o lado, é um assalto’. 

O motorista ficou no meio do banco do carro, e um dos suspeitos assumiu a direção. O segundo autor ficou com a arma apontada para a vítima e exigiu que ele ficasse de cabeça baixa. O brasileiro conseguiu perceber que os supostos bandidos entraram no território paraguaio e pediu que não fosse morto por eles. 

A dupla parou o carro em via pública no Paraguai e fugiu, deixando para trás somente a carteira do proprietário do carro, mas sem dinheiro. A vítima então pediu ajuda para populares que lhe indicaram a direção da linha internacional que divide Brasil e Paraguai. Ele relata que os criminosos têm entre 18 e 25 anos, e que utilizavam boinas e mochilas semelhantes a que usam vendedores ambulantes. 

 

Veja também