tce janeiro
SENAR 26/01
Menu
quarta, 26 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Interior

Comerciante que atropelou a neta vai responder por homicídio culposo

Homicídio

06 outubro 2015 - 13h30Por Edição de Notícias

O comerciante G.A.S, de 59 anos, que acidentalmente atropelou a própria neta de 1 ano e 5 meses na manhã desta segunda-feira (5) no bairro Nova Coxim, vai responder por homicídio culposo, ou seja, quando não há intenção de matar. A menina chegou a ser socorrida pelo avô, mas não resistiu e morreu no Hospital Regional cerca de uma hora após o acidente.

Segundo o delegado Gustavo Mussi, responsável pelo caso, foi realizado um exame pericial no local para confirmar a dinâmica dos fatos e instaurado inquérito policial por homicídio culposo na direção veicular. O laudo do exame deve ficar pronto em aproximadamente 10 dias.

Ainda conforme o delegado, o autor não foi autuado em flagrante porque prestou todo atendimento e socorro a vítima como rege o CTB (Código de Trânsito Brasileiro).

A menina era filha da jovem C.A.G, enteada do comerciante. O corpo foi sepultado na manhã desta terça-feira (6), no cemitério da Vila Bela.

O acidente

Por volta das 6h50, como de costume, o comerciante deu partida na caminhonete Ford Ranger, com placas de Coxim, para levar a neta para a creche e ao sair da garagem de marcha ré, acabou atropelando a menina acidentalmente. A menina teria seguido o avô e entrado embaixo do veículo sem que ninguém percebesse.

Desesperado, ele ainda socorreu a neta e levou as pressas até o Hospital Regional Álvaro Fontoura, porém a criança não resistiu e veio a óbito cerca de uma hora depois.

A Polícia Militar foi acionada e encaminhou o condutor até a Delegacia de Polícia Civil para esclarecimentos.