Menu
domingo, 29 de novembro de 2020
Interior

Em Dourados, candidato a prefeito torra dinheiro do povo com poltronas de luxo e lanchinhos

Ao todo, Alan Guedes, do Progressistas, gastou R$ 67.800 para o conforto dele e dos colegas

31 outubro 2020 - 15h15Por Thiago de Souza

Gastos com poltronas do tipo presidencial e lanches, promovidos pelo candidato a prefeito de Dourados, Alan Guedes, do Progressistas, chamou a atenção dos eleitores, na segunda maior cidade do estado. 

O problema é que o dinheiro para tanto luxo vem do bolso dos contribuintes. Os contratos foram assinados por Guedes, que é o atual presidente da Câmara Municipal. 

Em um dos contratos, a Câmara gastou R$ 45 mil para que uma padaria da cidade forneça lanches nas sessões ordinárias e extraordinárias, solenidades e outros eventos no parlamento. 

Já as poltronas custaram R$ 1.140 cada uma, totalizando R$ 22.800. A gastança foi criticada pela população e vai na contramão da moralidade administrativa em que os poderes constituídos devem dar exemplo de economia com os gastos públicos. 

O espaço está aberto ao candidato Alan Guedes. 


 

Leia Também

Brasil tem novas 587 mortes pelo covid em 24h
CORONAVÍRUS
Brasil tem novas 587 mortes pelo covid em 24h
Final Feliz! Seu Manoel é encontrado pela Polícia Civil e família agradece ajuda de todos
Cidade Morena
Final Feliz! Seu Manoel é encontrado pela Polícia Civil e família agradece ajuda de todos
Silvio Pitu promete mandato participativo e qualidade ao invés de quantidade
Política
Silvio Pitu promete mandato participativo e qualidade ao invés de quantidade
Após término com Luan Santana, Jade Magalhães para de segui-lo nas redes sociais
Geral
Após término com Luan Santana, Jade Magalhães para de segui-lo nas redes sociais