TCE ABRIL 16 A 22/04
Menu
segunda, 19 de abril de 2021
Interior

Mulher sente falta de ar e morre após sexo em Camapuã

Ela disse ao namorado que estava se sentindo fraca

24 março 2021 - 12h25Por Dany Nascimento e Diana Christie

Uma mulher de 56 anos morreu na noite de ontem (23), após sentir falta de ar e desmaiar em cima da cama em uma casa na Rua João Vermelho, na Vila João de Barro, em Camapuã. 

Segundo o registro policial, a mulher estava acompanhada do namorado, de 58 anos. Ele contou que os dois se encontravam uma vez ao mês e que, na noite de ontem, ligou para a mulher e disse que não ia até o imóvel porque estava cansado. 

Como ele trabalha de taxista, acabou realizando uma corrida e foi até a casa da namorada. Ele conta que a mulher demonstrava comportamento estranho, mas eles tiveram uma relação sexual.

Depois, ela disse que não estava se sentindo bem e que iria tomar um remédio porque estava com alergia. Segundo ele, a vítima não tomou o remédio e apresentou falta de ar, voltou ao quarto e abriu a janela. O namorado disse que ia levá-la até um hospital. 

A namorada disse que estava sem força e caiu sobre a cama. O taxista acionou o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), que constatou o óbito. 

O caso foi registrado como morte a esclarecer na delegacia da região.