TCE Abril 25 a 29/04
(67) 99826-0686
Reviva centro

Polícia indicia suspeito de estar bêbado, atropelar e matar pedestre em Maracaju

Investigações mostram que ele fugiu e não prestou socorro à vítima

14 SET 2016
Thiago de Souza
20h28min
Camionete foi encontrada com avarias no lado direito Foto: Foto: Maracaju Speed

A Polícia Civil em Maracaju ouviu, na tarde desta quarta-feira (14), Jarbas Benatti, 30, suspeito de atropelar e matar um homem de 40 anos, na noite de domingo, em Maracaju. A investigação aponta que o condutor da caminhonete Ford Ranger estava embriagado e não prestou socorro à vítima. 

Conforme o SIG (Serviço de Investigações Gerais) da Polícia Civil de MS, Benatti ingeriu grande quantidade de bebida alcoólica em uma lanchonete no centro da cidade e em seguida pegou o veículo para voltar pra casa. 

A caminhonete dele foi encontrada com vários danos na lateral direita. Jarbas foi indiciado por homicídio culposo, qualificado por ingestão de álcool e omissão de socorro. 

O suspeito nega que tenha bebido antes de assumir o volante e afirma que a vítima entrou repentinamente na frente do carro, porém não explicou porque deixou de prestar atendimento ao atropelado. 

O acidente

Paulo Jorge Bispo Aleixo, 40, chegou a ser socorrido pelos Bombeiros e encaminhado para o Pronto Socorro. Lá foram feitas várias manobras, como massagem cardíaca por mais de 20 minutos, mas não houve sucesso e ele foi à óbito. Ele sofreu uma forte hemorragia interna devido ao impacto da colisão e múltiplos rompimentos de órgãos. 

 

Veja também