TCE MAIO
TJMS MAIO
Menu
quarta, 25 de maio de 2022 Campo Grande/MS
CÂMARA MUNICIPAL MAIO 2/3 ANO
Interior

Polícia prende homem suspeito de matar jovem a golpes de foice

Caso aconteceu na madrugada de sábado (29); Suspeito foi preso escondido em uma fazenda

30 setembro 2018 - 10h13Por Rodson Willyams

Agentes das polícias militar e civil prenderam um homem suspeito de ter cometido assassinato do jovem Denis Cristian de Souza, de 25 anos, morto a golpes de foice na madrugada de sábado (29), no residencial Eco Park. A prisão do autor aconteceu na tarde de ontem, em Ivinhema, 286 km distante de Campo Grande.

O comandante da 8º BPM de Nova Andradina, Tenente Lunardo, procedia em diligências juntamente com as equipes de rádio patrulha no intuito de localizar o  suspeito da autoria do crime quando  recebeu a solicitação do delegado titular da Delegacia de Polícia Civil de Ivinhema, Ricardo Henrique Cavagna, para averiguarem uma denúncia anônima onde o suspeito estava refugiado em uma residência localizada em uma fazenda.

As equipes das polícias militar e civil foram até a propriedade rural. Ao chegar no local visualizaram o procurado que estava do lado de fora da residência no gramado. Ao ver as equipes, o homem tentou empreender fuga, mas ao perceber que estava cercado se entregou e confessou a autoria do crime. O autor recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil para a lavratura do Auto de Prisão em Flagrante.

O crime

Segundo o site Ivinotícias, o homicídio ocorreu por volta das 3 horas nos fundos de uma residência localizada na Rua José Copertino de Oliveira. Na ocasião,l a vitima Denis Cristian de Souza, de 25 anos, estava em companhia de um outro "amigo" M.F.L de 26 anos, após uma discussão o mesmo veio a agredir a vítima com golpes de foice, que provocou um grande corte no rosto.


Jovem morto. Foto: Reprodução / Ivinotícias.

Acompanhando a vítima, estavam duas mulheres não identificadas que passaram as informações para o Corpo de Bombeiros. A Polícia Civil, Militar e a perícia de Nova Andradina estiveram no local para acompanhar o caso. A Polícia Civil encontrou a arma utilizada no crime e agora inicia o procedimento de investigação.