TCE SETEMBRO
Menu
sexta, 24 de setembro de 2021 Campo Grande/MS
Interior

Proprietário rural é autuado em R$ 2,1 mil por armazenamento ilegal de madeira

O infrator também responderá por crime ambiental, com pena prevista de seis meses a um ano de detenção.

28 setembro 2016 - 12h00Por Redação

Durante fiscalização ambiental na região do Paraguai Mirim, a 130 km da cidade Corumbá, Policiais Militares Ambientais de Corumbá realizaram vistoria na tarde desta terça-feira, dia 27 de setembro, em uma propriedade rural e verificaram o armazenamento de madeira sem a devida autorização (Documento de Origem Florestal - DOF), que é o documento para o transporte e armazenamento de qualquer produto florestal nativo.

O fazendeiro havia derrubado árvores da espécie piúva e transformado em estacas e tábuas que estavam sendo utilizadas em mangueiro e cercas na propriedade.

Foram apreendidos 4,7 m3 de estacas e 2,5 m3 de tábuas da espécie Piúva. O fazendeiro, residente no local, foi autuado administrativamente e multado em R$ 2.100,00. O infrator também responderá por crime ambiental, com pena prevista de seis meses a um ano de detenção.