ENTREGAS
Solurbe - corrida do meio ambiente 18/04 a 08/05
(67) 99826-0686
Vale universidade

Sargento mata filho de coordenador de campanha de candidato peemedebista

João Victor foi morto após uma discussão na praça de Rio Verde na frente da filha e da esposa

29 AGO 2016
Dany Nascimento
10h36min
O veículo da vítima foi trancado pelo carro do sargento que efetuou o disparo Foto: Alisson Silva

Rio Verde amanheceu em luto e clama por justiça diante do assassinato do jovem João Victor Gomes Rosa, 21 anos, filho de Nilson Rosa, coordenador de campanha do candidato a prefeito Zé de Oliveira (PMDB). O jovem foi executado com um tiro no peito, na frente da esposa e da filha na praça principal do município na noite de ontem (28).

O disparo que matou João teria sido efetuado pelo sargento Carlos Alberto da Rocha, de 52 anos, suposto segurança do atual prefeito de Rio Verde, Mário Alberto Krugel, que tenta reeleição em 2016. Testemunhas afirmaram que o sargento estacionou o carro próximo do veículo de João, trancando o mesmo. Diante disso, como outro carro tentava deixar o local, mas não conseguia, João teria pedido a Carlos que tirasse o carro.

Com o pedido, ambos iniciaram uma discussão, quando o sargento sacou a arma e efetuou o disparo. Após ser atingido, João caminhou alguns metros e caiu morto ao lado de seu veículo.

A população do município ficou revoltada e diversas pessoas ameaçaram invadir o pelotão da Polícia Militar, fazendo com que a polícia de Coxim reforçasse a segurança.  O sargento se apresentou no quartel algumas horas depois e foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil. Após ser ouvido, Rocha foi levado para o Presídio Militar Estadual, em Campo Grande.

O corpo de João Victor será velado na Câmara do município e sepultado no final da tarde.

Veja também