Menu
sexta, 18 de setembro de 2020
Na Lata

Na Lata: sindicalista reclama R$ 200, mas ganha 6.200 reais

Quem sabe na hora que os atrasos começarem o sindicalista para e pensa um pouco

21 maio 2019 - 09h59Por Ian Torbe

Discurso de quem parece que vai morrer de fome, mas na prática um ótimo salário no bolso. Enquanto briga com o governo, mesmo durante a maior crise financeira da história brasileira, sindicalista se mantém confortável ganhando uma pequena fortuna.

E paga em dia! É o caso do presidente da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul), Jaime Teixeira, com seus ganhos de 6.784,38 a cada 30 dias. Sem atraso.

Quem sabe a saída seja aumentar ainda mais esses ganhos e terminar de derrubar as contas já complicadas de MS. Aí quem sabe na hora que os atrasos começarem o sindicalista para e pensa um pouco.

Veja os ganhos:

Leia Também

Para Bolsonaro, 'quem fica em casa na pandemia é fraco'
Geral
Para Bolsonaro, 'quem fica em casa na pandemia é fraco'
Parque de esportes radicais promete ser referência e transformar Jardim Noroeste
Cidade Morena
Parque de esportes radicais promete ser referência e transformar Jardim Noroeste
'Menina moleca, alegre e sorridente', dizem amigos sobre jovem morta após aplicação estética
Geral
'Menina moleca, alegre e sorridente', dizem amigos sobre jovem morta após aplicação estética
Dourados está há cinco dias sem registrar mortes de moradores locais pela covid-19
Interior
Dourados está há cinco dias sem registrar mortes de moradores locais pela covid-19