GOV AGEMS
Menu
quarta, 08 de dezembro de 2021 Campo Grande/MS
CONSTRUINDO O SABER 29/11 A 29/12
Polícia

Após ação do Gaeco, André Scaff é preso por posse ilegal de munição

19 maio 2016 - 12h48Por Mariana Anunciação e Dany Nascimento

Policiais do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) compareceram nesta manhã (19) na Câmara Municipal de Campo Grande e partiram levando um pacote da sala do procurador da Casa, André Scaff, que acompanhou os agentes. No final desta manhã, a polícia confirmou sua prisão na delegacia do Centro por portar munições de arma de fogo.

O delegado da Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) do Centro, Enilton Zala, confirmou que o procurador da Câmara, André Scaff, está preso após o cumprimento de mandado de busca e apreensão na Câmara, no escritório dele e na residência.

Enquanto a equipe do Gaeco recolhia alguns documentos na casa de Scaff, se deparou com 15 munições de calibre 38 na residência. Diante disso, ele foi preso em flagrante por posse ilegal de munição, já que é ilegal assim como se tivesse portando um revólver, ele não tem registro.

“Scaff confirmou que as munições são dele e negou que tenha arma de fogo. Apesar de não ter concluído o interrogatório ainda, as informações preliminares dão conta que ele não tem revólver. Ainda vou verificar se cabe fiança por esse crime”, contou o delegado.

A esposa de André Scaff, que teve o nome preservado, também está na delegacia na condição de testemunha. A presença de Maurício Scaff, segurança da Câmara também foi confirmada, mas não souberam informar o motivo.

Já os documentos que foram apreendidos pelo Gaeco foram levados para a sede do Grupo e o delegado informou não ter conhecimento sobre o respectivo assunto ou a respeito da Operação.