Menu
sábado, 08 de agosto de 2020
Linha de frente - compet
Polícia

Após sair para fazer exame, jovem desaparece na Capital

Sequestro

11 outubro 2013 - 10h50Por Kerolyn Araújo

A jovem Fernanda Rodrigues Fernandes, 18, moradora do bairro Guanandi, desapareceu ontem (10) , após sair para fazer um exame admissional  do novo emprego. Fernanda é nora de Sandra Rodrigues da Silva, receptadora das joias que foram furtadas pela empregada doméstica Eunice Batista Ferreira.

Por volta das 11h00 de quinta, a jovem entrou em contato com a mãe informando que estava no serviço. Após a ligação, a família não conseguiu mais nenhum contato com Fernanda.

Durante a madrugada desta sexta-feira (11), o marido da vítima, Rafael Rodrigues Canhete, 19, recebeu uma mensagem  do celular da jovem que dizia: “Muita boa noite senhor Rafael sua mãe é a dinha, certo, confirmei isso com sua mulher linda, por sua mãe ter entrado no meu caminho todas as bombas que eu mando pra ela e ela nem se importa resolvi pegar sua mulher agora, depois do serviço, para descontar toda a raiva que sua mamãezinha fez eu passar. É do pior inimigo de sua mãe, manda ela ficar bem esperta, porque agora ela ta sequestrada, por culpa da sua mamãzinha ter entrado no meu caminho e espero que ela se acalme, se não vai ter que arrumar outra mulher...".

Um boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) do bairro Piratininga na manhã de hoje. A polícia não descarta nenhuma hipótese e investiga o caso.

Leia também: 

Leia Também

Dupla sertaneja de MS participa do Caldeirão do Huck e ganha presentes
Geral
Dupla sertaneja de MS participa do Caldeirão do Huck e ganha presentes
Através de produção de máscaras, vítimas de violência doméstica tem chance de recomeço
Cidade Morena
Através de produção de máscaras, vítimas de violência doméstica tem chance de recomeço
'Nem com dança da chuva': previsão diz que vai cair água em MS só depois do dia 15
Geral
'Nem com dança da chuva': previsão diz que vai cair água em MS só depois do dia 15
Para não fechar marmitaria, sócias se 'viram nos 30' e investem em drive-thru de bolos
Cidade Morena
Para não fechar marmitaria, sócias se 'viram nos 30' e investem em drive-thru de bolos