Menu
domingo, 27 de setembro de 2020
Polícia

Bandido morre durante confronto com a polícia após roubar caminhonete

Polícia localizou os criminosos graças a um celular que ficou no automóvel durante a fuga

05 fevereiro 2019 - 07h30Por Da redação / Portal R7

Um homem morreu durante um confronto com a polícia após render uma família e roubar uma caminhonete em Curitiba, Paraná, na noite desta segunda-feira (4). Eles foram localizados por causa de um celular que ficou no automóvel durante a fuga.

De acordo com a Polícia Militar (PM), homens fortemente armados renderam uma família no bairro Portão, perto das 20h30. Eles fugiram com a caminhonete e também com um carro modelo gol que estava com alerta de roubo.

Por conta do rastreador do celular que ficou dentro da caminhonete, os bandidos foram localizados pelos policiais militares, na Rua Eduardo Sprada, já na Cidade Industrial de Curitiba. O Gol, que fazia a cobertura dos assaltantes no outro veículo, foi alvo de tiros. O passageiro foi baleado e outro fugiu para dentro de um matagal. 

Já a caminhonete foi recuperada no bairro Tatuquara e o motorista, de 18 anos, foi preso. Antes do flagrante, o jovem bateu o carro em uma motocicleta. A garupa precisou ser encaminhada para o hospital, mas não corre risco de morte.

O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Curitiba e a polícia continua na busca pela identificação dos outros suspeitos.

Leia Também

Brasil registra 869 novas mortes nas últimas 24 horas
CORONAVÍRUS
Brasil registra 869 novas mortes nas últimas 24 horas
Primeiro castramóvel chega em janeiro e vai atender bairros mais vulneráveis em Campo Grande
Cidade Morena
Primeiro castramóvel chega em janeiro e vai atender bairros mais vulneráveis em Campo Grande
Em dois anos, MS ganha 54 mil eleitores e mulheres definem eleição
Cidade Morena
Em dois anos, MS ganha 54 mil eleitores e mulheres definem eleição
Bebê com atrofia muscular morre após campanha para importar remédio de cerca de R$ 11 milhões
Geral
Bebê com atrofia muscular morre após campanha para importar remédio de cerca de R$ 11 milhões