Menu
Busca quinta, 16 de julho de 2020
REFIS SAUDE
Polícia

Bandidos armados se passam por clientes e assaltam comércio na Zahran

No estabelecimento, mãe e filho foram rendidos nesta manhã

28 setembro 2016 - 12h30Por Anna Gomes

Dois bandidos armados renderam mãe e filho por volta das 9h desta quarta-feira (28), em um comércio localizado na Avenida Eduardo Elias Zahran, em Campo Grande. Primeiro, os criminosos fingiram ser clientes para observar a rotina do local.

De acordo com o registro policial, a mulher de 42 e o rapaz de 26 anos estavam trabalhando no estabelecimento, quando foram rendidos pela dupla armada que rapidamente  anunciou o assalto.

Ainda conforme o boletim de ocorrência, os criminosos chegaram em uma motocicleta Honda Fan de cor vermelha e roubaram vários objetos, inclusive o celular e uma corrente que estava no pescoço de uma das vítimas.

O celular levado pelos criminosos indicava a localização do aparelho, mas o objeto foi abandonado pelos bandidos no caminho, sendo encontrado pela polícia completamente destruído.

As vítimas ressaltam que os bandidos chegaram a ir ao estabelecimento momentos antes do crime, elas acreditam que estavam apenas observando o local para em seguida, praticarem o assalto.

O comércio possui câmeras de segurança que devem ser analisadas pela polícia. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Bairro Piratininga.

Leia Também

Produtores de hortifrúti de Campo Grande se unem para abastecer a cidade
Cidade Morena
Produtores de hortifrúti de Campo Grande se unem para abastecer a cidade
Chris Evans dá escudo do Capitão para garoto que salvou irmã
Geral
Chris Evans dá escudo do Capitão para garoto que salvou irmã
Caso Carla: cadeado achado na calçada foi princípio para solução do assassinato de Carla
Polícia
Caso Carla: cadeado achado na calçada foi princípio para solução do assassinato de Carla
“Pré-campanha” durante pandemia: do PSL, Siqueira é criticado até pela oposição do prefeito
Política
“Pré-campanha” durante pandemia: do PSL, Siqueira é criticado até pela oposição do prefeito