Menu
terça, 18 de janeiro de 2022 Campo Grande/MS
Polícia

Briga com inquilino causou assassinato de foragido no Itamaracá

15 outubro 2015 - 18h28Por Alessandra Carvalho

O homem morto com uma garrafada no pescoço, na tarde de ontem (14) no cruzamento das ruas Abuna com Zude Lage, bairro Jardim Itamaracá,  foi identificado como Jair Donizete, de 46 anos. Ele era foragido do regime semiaberto desde o dia 10 de outubro.

Conforme o delegado Sérgio Luiz Duarte, a vítima foi à casa do Luis Antonio Coelhar Moreno, 41 anos, quando ocorreu um desentendimento. Luis é, segundo a polícia civil, o autor do crime.

“Jair foi em uma residência e cobrou um inquilino, quando encontrou o Luis . Os três começaram a brigar por uma divida. A vítima estava com uma arma e  ameaçou o outro homem e o autor na frente dos pais”.

 

Delegado Sérgio ouviu os parentes do autor do crime de homicídio. Foto: André de Abreu 

Jair encontrou Luis no bar e os dois começaram a conversar. “O autor estava no bar com algumas pessoas e os dois se encontraram. Houve uma conversa antes do crime”, relatou o delegado.

Eles começaram a brigar ainda no bar e se afastaram para discutir, cerca de 20 metros, quando o Luis pegou uma garrafa de vidro e feriu o Jair na garganta.

Mesmo ferido, a vítima andou em direção ao bar novamente até que caiu no chão, não resistiu aos ferimentos e morreu. Luis fugiu do local e está sendo procurado pela polícia. Ele tem passagens pelo crime lesão corporal e vias de fato. A vítima, Jair, tinha passagens pelo crime de roubo e ameaça.