TCE MAIO
(67) 99826-0686

Estelionatária que dopava idosos para roubar é detida na Capital

Ela já havia cumprido pena em Cuiabá pelo mesmo crime

7 DEZ 2016
Kerolyn Araújo
18h35min
Foto: Divulgação/Polícia Civil

Donata de Souza da Silva, 57 anos, foi detida por policiais da Delegacia Especializada em Repressão a Roubos e Furtos (Derf) na manhã desta quarta-feira (07), após dopar um casal de idosos para cometer um furto. Ela já havia cumprido pena em Cuiabá pelo mesmo crime.

De acordo com o delegado Reginaldo Salomão, Donata abordou uma das vítimas, uma idosa de 74 anos, dentro de um ônibus no bairro Aero Rancho. Após puxar assunto com a mulher, Donata disse que era vendedora de cosméticos e que iria fazer algumas cobranças na região.

As duas desceram no mesmo ponto e a estelionatária acompanhou a vítima até em casa. No local, ela pediu água e, posteriormente, saiu com a vítima para comprar sorvete em um supermercado.

Quando retornaram a casa, Donata colocou calmante no sorvete da mulher e do marido, de 77 anos. Após o remédio fazer efeito, a suspeita furtou R$110 da bolsa da vítima, além de um aparelho celular e as alianças das vítimas.

"Chegamos até Donata após ver imagens das câmeras de segurança do supermercado onde foi comprar sorvete com a vítima. Como havia sido investigada anteriormente, foi reconhecida pelos investigadores", explicou o delegado. Ainda de acordo com a polícia, as vítimas de Donata eram sempre pessoas idosas. 

Em depoimento, Donata informou que comprou os calmantes em Ponta Porã. Dependendo do estado de saúde da vítima, 30 gotas do remédio pode levar à morte.

Donata também usava os nomes das irmãs, que residem em São Paulo, para cometer os crimes. 

Veja também