TCE Novembro
Menu
segunda, 29 de novembro de 2021 Campo Grande/MS
pmcg revia negocios
Polícia

Estelionatários passam por audiência de custódia e continuam presos

Eles foram encaminhados para o presídio; um deles alegou ter sido agredido pela polícia

19 setembro 2018 - 09h35Por Anna Gomes

Passaram por audiência de custódia e continuam presos os estelionatários presos em flagrante por participação de um esquema que envolvia vendas falsas de cartas de crédito. O juiz Alexandre Antunes da Silva foi quem decretou a prisão preventiva da quadrilha.

O bando foi identificado como Clésio de Jesus, 36, Pedro Henrique Natali da Silva, 23, Guilherme Natali da Silva, 22, e de Juliano César Pasti Marcelo, 23. Do total, três deles foram encaminhados para o presídio, menos Clésio, que alegou ter sido agredido pelos policiais e vai ser encaminhado para o Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal), onde vai realizar exames.

Segundo a polícia, o grupo aplicava golpes que faziam vítimas pagar de R$ 7 mil a R$45 mil. Até o momento, a investigação soma oito pessoas, mas o número pode aumentar com a prisão dos envolvidos. Um quinto elemento, identificado como Wilian Oliveira, também teria participação na organização criminosa e está foragido.

Além de agir várias cidades de Mato Grosso do Sul, o grupo também aplicou golpes em outros estados.  Eles se passavam por instituições financeiras, criavam grupos em redes sociais e seduziam pessoas com falsas promoções.