Menu
sábado, 19 de setembro de 2020
Polícia

Foragido da Justiça é baleado ao tentar escapar da polícia pelo telhado de casa no Universitário

Mulher do criminoso diz que ele não aguentava mais ficar no presídio

27 março 2019 - 16h42Por Thiago de Souza e Nathalia Pelzl

André Ricardo Longhi, 39 anos, foi baleado no ombro por policiais civis, na tarde desta quarta-feira (27), na Rua Agripino Grieco, no Bairro Universitário. Ele, que cumpria pena por tráfico de drogas no semiaberto da Gameleira, estava sentado na residência onde mora e subiu no telhado ao ver os agentes pularem o portão.

Segundo a esposa de André, Ana Paula, 35 anos, ela e o marido estavam na varanda com os filhos e alguns parentes, quando dois policiais civis entraram na residência

"Eles pularam o portão, meu marido não voltou porque disse que não aguentava mais aquele inferno, só que eu tinha convencido ele, já estávamos vendo com o advogado para ele retornar", contou entre lágrimas.

                          

Esposa do foragido disse que marido ia se entregar. (Foto: Wesley Ortiz)

Ela relatou que ao ver os policiais pulando o portão, o marido se assustou e subiu no telhado, momento em que foi atingido no ombro.

Equipe do Corpo de Bombeiros e Samu foram acionadas e a vítima encaminhada para Santa Casa de Campo Grande.

Assustada, a esposa conta que ficou com medo pelos filhos e que foi sorte nenhum deles ser atingido.

André cumpriu 6 anos de pena por tráfico de drogas em regime fechado e, há um ano estava na gameleira.

 

Leia Também

Xuxa avisa que vai deixar a Record no fim do ano: 'infelizmente'
Geral
Xuxa avisa que vai deixar a Record no fim do ano: 'infelizmente'
VÍDEO: homem chuta cabeça de mulher em briga pós-balada no Rio
Geral
VÍDEO: homem chuta cabeça de mulher em briga pós-balada no Rio
Chulé de maconha: mulher é presa por passar droga a presidiário em hospital de Paranaíba
Interior
Chulé de maconha: mulher é presa por passar droga a presidiário em hospital de Paranaíba
Adolescente de 13 anos some em Campo Grande e família vive desespero no Paulo Coelho
Cidade Morena
Adolescente de 13 anos some em Campo Grande e família vive desespero no Paulo Coelho