PREFEITURA DE MARACAJU MARÇO DE 2024
Menu
quinta, 29 de fevereiro de 2024 Campo Grande/MS
PREFEITURA CAMPO GRANDE FEVEREIRO 2024
Polícia

Gaeco investiga fraude na aquisição de materiais de construção em cidade de MS

Prefeitura investigada perdeu documentos após 'forte chuva' em março de 2014

21 outubro 2016 - 08h30Por Diana Christie e Vinícius Squinelo

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) deflagrou na manhã desta sexta-feira (21), a 3ª fase da Operação Tempestade. A investigação tem o objetivo de apurar supostas irregularidades na aquisição de materiais de construção e prestação de serviços em Camapuã, município distante 140 quilômetros de Campo Grande.

São investigados contratos firmados desde 2003. No início das investigações, a prefeitura de Camapuã alegou que uma forte chuva, em 10 de março de 2014, danificou a calha de uma sala ao lado da tesouraria da prefeitura, usada para digitalização de documentos e levantamento patrimonial, e danificou diversos documentos do município.

A explicação inusitada gerou desconfiança para o Ministério Público Estadual, desencadeando a primeira fase da Operação, em abril de 2015. Na manhã de hoje (21), são cumpridos mandados de busca e apreensão e de condução coercitiva tanto em Camapuã quanto em Campo Grande.