Menu
Busca quinta, 04 de junho de 2020
GOV FEMINICIDIO
Polícia

Guarda civil teria apontado arma para violentar criança; laudos foram pedidos com urgência

Homem teria abusado e ameaçado garota de 12 anos com arma antes de cometer suicídio

25 abril 2019 - 16h00Por Amanda Amaral e Nathalia Pelzl

Cinco dias após a morte do guarda civil metropolitano e professor Fred Brandão, 38 anos, a polícia ainda não pode afirmar que o homem cometeu estupro contra uma criança de 12 anos. Contudo, afirma que o caso está sendo investigado e foram pedidos laudos periciais para apurar o crime.

Fred tirou a própria a vida na madrugada de sábado (20), após ter supostamente acordado a garota e cometido abuso, ameaçando-a com uma arma de fogo. Logo depois, teria atirado contra a própria cabeça.

Conforme a delegada-titular da DEPCA (Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente), foi feito um levantamento minucioso da perícia no local e todas as informações são preliminares. Foram solicitados laudos de lesão corporal, necroscópico, sexologia forense e na arma apreendida.

“Não há com o fazer qualquer afirmação em qualquer sentido. Nós estamos aguardando os laudos periciais, que são de suma importância para que esses elementos, mais as provas das testemunhas, possam conduzir a investigação e uma conclusão seja fundamentada”, avalia.

O resultado dos laudos demanda cerca de 30 dias, mas pode haver necessidade de exames complementares, como de DNA. Ainda conforme a delegada, não havia sinais de violência na garota, ou boletim de ocorrência anterior contra Fred.

A reportagem entrou em contato com a mãe da garota, mas ela preferiu não se pronunciar sobre o caso. A investigação segue em andamento com pedido de urgência dos laudos e a vítima será ouvida via atendimento psicossocial, além dos parentes próximos.

Leia Também

VÍDEO: homem se comove e doa sapatos a morador de rua
Geral
VÍDEO: homem se comove e doa sapatos a morador de rua
Muambeiro é preso com mercadoria do Paraguai em hotel
Polícia
Muambeiro é preso com mercadoria do Paraguai em hotel
“É desesperador, estou pagando as parcelas ainda”, diz trabalhador ao ver carro pegando fogo
Cidade Morena
“É desesperador, estou pagando as parcelas ainda”, diz trabalhador ao ver carro pegando fogo
Cantora gospel morre de Covid-19 e deixa marido infectado
Geral
Cantora gospel morre de Covid-19 e deixa marido infectado