Tribunal de Contas
(67) 99826-0686
Camara - marco

Investigação sobre sequestro de recém - nascido será entregue em dez dias

Sequestro

20 NOV 2013
Willian Leite
16h57min
Foto: Willian Leite

No último sábado (16) a recém-nascida Nicole foi sequestrada dez horas após ter saido da maternidade. O sequetro aconteceu no bairro Dom Antonio Barbosa em Campo Grande. O caso está sendo investigado pela DEPCA (delegacia Especializada de proteção a Criança e ao Adolescente).

 

O investigador Mauro de Souza, informou que os sequestradores da criança estavam rondando a casa da vítima, no bairro Pedro Teruel , na região do Dom Antonio Barbosa, em um carro Prêmio CSL Vermelho. Eles estavam sendo informados do passo-a-passo da mãe e da recém-nascida, pelo pai da criança.

 

Nicole foi raptada à 150 metros da casa onde mora. Ela estava no carrinho de bebê com a mãe e avó. Em um certo momento, os suspeitos que já estavam monitorando as vítimas, abordaram as mulheres e roubaram a criança.

 

De acordo com o investigador da polícia, moradores da região perceberam na terça-feira (14) a movimentação estranha de um carro vermelho pelas redondezas, o que não era comum no bairro.

 

Dois envolvidos no sequestro já foram presos. O pai de Nicole, Robison dos Santos Rossimaister, 22, e a mulher que ficou com posse da criança, Renata Silva de Jesus, 33. Ela está presa no 2 DP do bairro Monte Castelo, enquanto Robison aguarda vaga de transferência para o presídio de segurança máxima da Capital.

 

Investigação - A Polícia Civil irá apurar a possibilidade de Renata estar envolvida em outros casos de sequestros de bebês. Em outubro deste ano, uma mãe, usuária de drogas, procurou a Justiça para informar que estaria negociando a venda de um bebê recém-nascido com uma mulher de nome Renata. Após o filho ter nascido, a usuária de drogas teria desistido da negociação.

Foto: Willian Leite
Foto: Willian Leite
Foto: Willian Leite

Veja também