A+ A-

quarta, 22 de maio de 2024

Busca

quarta, 22 de maio de 2024

Link WhatsApp

Entre em nosso grupo

2

WhatsApp Top Mídia News
Polícia

03/09/2017 08:39

A+ A-

Jovem é morto a tiro pelo padrasto, após brigar com a mãe por dinheiro para drogas

O homicídio ocorreu na madrugada deste domingo no Cristo Redentor, em Campo Grande

Adriano Martins Moreira Primo, de 28 anos, foi morto pelo seu padrasto Anderson Fernandes Vieira, de 43 anos, por volta das 2h20 deste domingo (3), após ser atingido por disparo de arma de fogo enquanto estava em sua residência localizada na Rua Ernesto Antônio Figueiredo, no Bairro Cristo Redentor, em Campo Grande. 

A mãe da vítima, Marilene Martins Primo, relatou à delegada Franciele Candotti Santana, da Depac Piratininga, que o filho era usuário de drogas e apresentava comportamento agressivo. E antes do ocorrido, Marilene relatou que foi ao mercado e ao chegar à residência, foi 'encurralada' pelo filho no quarto exigindo dinheiro, teria conseguido desvencilhar e correr para o banheiro onde permaneceu trancada.
 
Após horas, ao sair do local, foi novamente atacada pelo filho que teria arremessado copos. A mãe teria conseguido correr para fora da casa. O motivo, segundo ela, é que Adriano queria dinheiro. A mãe contou que todo mês guardava dinheiro extra para dar ao filho. 

Conforme o registro policial, Anderson Fernandes, convivente há seis anos com Marilene estava na residência e não teria interferido na briga. A mãe relata que ao sair da casa e estava indo em direção a residência de seu irmão a pé, quando foi alcançada pelo marido em uma bicicleta e teria afirmado que 'fez uma desgraça'. Logo em seguida fugiu tomando rumo ignorado.
 
A mãe teria ligado para a filha, e o genro e o irmão foram até a residência e encontraram Adriano caído no chão da cozinha, próximo da geladeira, com uma perfuração logo acima do mamilo direito. A primeira vista à polícia não localizou nenhuma saída do projétil. A polícia também não conseguiu precisar qual foi o calibre e não encontrou a arma e o projétil utilizado no crime. 

O caso foi registrado como homicídio simples na Depac Piratininga e será investigado. O autor do crime não foi localizado. 

Loading

Carregando Comentários...

Veja também

Ver Mais notícias
AMIGOS DA CIDADE MORENA ABRIL NOVEMBRO