Menu
segunda, 26 de julho de 2021
PMCG REFIS 16 A 29/07
Polícia

Perícia recomenda internação de homem que ateou fogo e mutilou vítimas em MS

Vítimas foram encontradas no poço de um imóvel localizado no distrito de Panambi, em Dourados

18 junho 2021 - 13h15Por Nathalia Pelzl

O exame de sanidade mental determinado pela Justiça para avaliar Rafael Ferreira Ponce, de 31 anos, apontou que ele tem transtornos mentais e comportamentais por dependência de álcool, mas era totalmente capaz de entender o caráter ilícito quando cometeu dois homicídios. 

Rafael é acusado de matar, mutilar e atear fogo aos corpos de duas pessoas em Dourados há dois anos. 

Preso em 17 de setembro de 2019, ele confessou ter assassinado Miguel Vieira, 39 anos, e Bryan Gabriel Vaz Vieira, 17 anos. 

As vítimas eram pai e filho e foram encontradas no poço de um imóvel localizado no distrito de Panambi, após vizinhos sentirem cheiro de carne queimando.

Rafael Ponce foi denunciado por homicídio qualificado pelo MPE-MS (Ministério Público Estadual), mas a defesa solicitou a instauração de exame de sanidade mental no réu e o juiz Eguiliell Ricardo da Silva, responsável pelo processo que tramita na 3ª Vara Criminal de Dourados, acolheu. 

O laudo aponta e recomendação a internação do acusado.

As informações foram divulgadas pelo site Dourados News.