FIEMS JUNHO

domingo, 16 de junho de 2024

Busca

domingo, 16 de junho de 2024

Link WhatsApp

Entre em nosso grupo

2

WhatsApp Top Mídia News
Polícia

06/10/2018 11:51

PMA apreende 1 quilômetro de rede e liberta 20 quilos de peixes em MS

Ação ocorreu no lago da usina Sérgio Motta

Polícia Militar Ambiental de Bataguassu apreendeu um quilômetros de redes de pesca, durante fiscalização nessa quinta-feira (4), no lago da usina Sérgio Motta, nos rios Paraná e Pardo. Os militares libertaram 20 quilos de peixes que estavam presos na rede, que é ilegal.

A ação aconteceu durante a operação pré-piracema e os infratores, donos dos petrechos proibidos não foram identificados. Ao todo, foram localizadas 18 redes de pesca de malha 90, 140 e 110 milímetros (petrecho proibido) armadas no rio. Os peixes foram encontrados vivos e presos às redes.

A PMA alerta que o uso de petrechos proibidos do tipo redes de pesca é muito comum na região, pois, nos lagos das Usinas Hidrelétricas do rio Paraná, este petrecho é permitido para o pescador profissional, desde que identificado e com malha de tamanho a partir de 140 milímetros. Ocorre que muitos pescadores profissionais armam redes com malha menor à permitida e não identificam.

Conforme o Nova News apurou junto a PMA, a legislação só permite no máximo 100 metros de redes armadas, localizadas pelo menos, a 150 metros de distância uma da outra. Porém, muitas vezes, os pescadores profissionais emendam várias redes excedendo a metragem permitida. Este tipo de uso é crime. Pescadores amadores que não podem por lei utilizarem esses petrechos também acabam os utilizando, o que caracteriza crime ambiental.

A manutenção da fiscalização e retirada desses petrechos precisam ser constantes, tendo em vista, a grande capacidade de captura e ocasionamento de mortes dos peixes, pois, os elementos armam o material pela madrugada e ficam somente conferindo, quando não observam presença da fiscalização.

 

Loading

Carregando Comentários...

Veja também

Ver Mais notícias
AMIGOS DA CIDADE MORENA ABRIL NOVEMBRO