Menu
terça, 27 de outubro de 2020
Polícia

Estuprador do Jardim Taveirópolis pode ser preso a qualquer momento

Abuso sexual

26 fevereiro 2014 - 10h41Por Marcelo Villalba

O acusado de cometer um estupro no Jardim Taveirópolis, em Campo Grande, teve o pedido de  prisão preventiva realizado pela polícia civil.

Os investigadores que cuidam do caso, informaram que o homem foi apontado por duas testemunhas que viram ele fugindo, após cometer o crime. "Esperamos agora o mandato de prisão para efetuar a prisão", explica o policial.

Foram varias denuncias a respeito do caso, uma recente onde apontava outro suspeito de cometer o crime, mas  a identificação aconteceu devido aos depoimentos e laudos periciais levantados pela Delegacia Especializada de Proteção à Criança e o Adolescente (Depca).

Crime –  O caso aconteceu na sexta-feira (7) quando uma  adolescente de 13 anos, estava em casa por volta das 9 horas, sendo foi abordada pelo agressor. A jovem recebeu uma ligação da mãe, que ficou sabendo da presença do desconhecido na residência.  O estuprador amarrou a menina com o cadarço de um tênis  e foi  amordaçada com um pano antes de ser violentada. O caso foi atendido pela Polícia Militar e repassado à Polícia Civil no mesmo dia.

Leia Também

Em horário noturno, candidatos citam distritos e corredor de ônibus em Campo Grande
Cidade Morena
Em horário noturno, candidatos citam distritos e corredor de ônibus em Campo Grande
Sem diversão durante a pandemia, crianças do projeto Recriar se divertem em parque recreativo
Cidade Morena
Sem diversão durante a pandemia, crianças do projeto Recriar se divertem em parque recreativo
Antes promissor, partido de Amoêdo fracassa em pesquisas de Campo Grande e mais sete capitais
Política
Antes promissor, partido de Amoêdo fracassa em pesquisas de Campo Grande e mais sete capitais
Nelsinho chega à Rússia para entregar pedido de Bolsonaro para libertar brasileiro preso
Cidade Morena
Nelsinho chega à Rússia para entregar pedido de Bolsonaro para libertar brasileiro preso