Menu
Busca segunda, 01 de junho de 2020
GOV FEMINICIDIO
Polícia

Polícia anuncia morte de Fat Family, que havia sido resgatado de hospital

O vigilante Ronaldo Luiz Marriel de Souza, que estava na unidade, acabou atingido por uma bala perdida e morreu no local

26 setembro 2016 - 12h30Por Agência Brasil

A Polícia Civil confirmou há pouco a morte de Nicolas Labre Pereira de Jesus, baleado em meio a uma ação contra o tráfico de drogas, em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio de Janeiro na manhã de hoje (26). Mais duas pessoas, cuja identidade não foi revelada, também foram mortas durante a operação, na qual foram apreendidos com as vítimas três fuzis, drogas e material para endolação (ato de embalar drogas para a venda).

Conhecido como Fat Family, ele é acusado de envolvimento com o tráfico de drogas e foi resgatado em junho do Hospital Municipal Souza Aguiar, no centro da cidade do Rio de Janeiro, onde estava internado sob custódia da Polícia Militar. Na época, homens armados invadiram o hospital e trocaram tiros com policiais.

O vigilante Ronaldo Luiz Marriel de Souza, que estava na unidade, acabou atingido por uma bala perdida e morreu no local. Um policial e um técnico de enfermagem também ficaram feridos.

Fat Family era um dos principais procurados pela polícia no Rio e o Disque Denúncia chegou a oferecer R$ 3 mil por informações que levassem à sua prisão.

Leia Também

Mulher é esfaqueada e tem pulmão perfurado pelo marido
Polícia
Mulher é esfaqueada e tem pulmão perfurado pelo marido
Refis começa hoje com desconto de até 100% nos juros
Cidades
Refis começa hoje com desconto de até 100% nos juros
PM que causou morte de professora no trânsito já havia matado jovem ao manusear pistola
Polícia
PM que causou morte de professora no trânsito já havia matado jovem ao manusear pistola
Hospital Alfredo Abrão segue tratamento contra o câncer com medidas preventivas a covid-19
Saúde
Hospital Alfredo Abrão segue tratamento contra o câncer com medidas preventivas a covid-19