Menu
quinta, 01 de outubro de 2020
Polícia

Polícia fecha festa no Damha, prende proprietário por bagunça e músico por desacato

Pau torou em condomínio de luxo de Campo Grande

15 agosto 2020 - 13h55Por Vinícius Squinelo

A noite não foi nada tranquila no condomínio Damha III, em Campo Grande. Por lá, teve dono de residência e músico presos e multa de 15 mil reais.

A história começou após denúncias à 3ª delegacia da Capital, sobre festas barulhentas e constantes em uma residência no condomínio. Policiais Militares Ambientais e Policiais Civis então realizaram uma operação iniciada ontem à noite e concluída na madrugada de hoje (15) para combater a poluição sonora, motivo das reclamações.

Inicialmente, os Policiais Militares Ambientais foram ao local da festa e mediram com um decibelímetro - equipamento que mede altura do volume - a pressão de som emitida pela aparelhagem da banda que tocava na festa, sendo constatados até 61,1 decibéis, quando a potência permitida para o horário e região é de 45 decibéis. Isso, se tivessem permitidas festas, proibidas por Decreto Municipal.

Depois da constatação do crime ambiental de Poluição Sonora, as equipes foram ao local, interditaram a festa e efetuaram a prisão em flagrante do dono da residência, um homem de 43 anos que não teve a identidade revelada pela polícia. Durante a ocorrência pessoas, que estavam na festa começaram a desacatar os Policiais e um dos músicos de 31 anos foi preso por desacato. No local foram apreendidos um violão, um acordeom e um cajon (tipo de tambor).

Ambos os infratores foram conduzidos à delegacia de Polícia Civil. O dono da festa foi autuado em flagrante por crime ambiental de Poluição Sonora e poderá pegar pena de um a quatro anos de reclusão. Ele também responderá pela infração de descumprimento de medida sanitária preventiva, desobediência e perturbação do sossego. Além disso, a PMA efetuou um auto de infração administrativo e aplicou multa de R$ 15.000,00 contra o infrator por poluição sonora. O Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) julgará o processo administrativo da multa

Leia Também

'Sementes misteriosas' que chegam da China podem fazer parte de esquema de fraude
Geral
'Sementes misteriosas' que chegam da China podem fazer parte de esquema de fraude
Em Amambai, dois candidatos disputam cadeira da prefeitura
Política
Em Amambai, dois candidatos disputam cadeira da prefeitura
Campanha de multivacinação começa na próxima segunda-feira
Cidade Morena
Campanha de multivacinação começa na próxima segunda-feira
‘Vou te cortar em pedacinhos’, diz homem que não aceita fim de romance com amante
Polícia
‘Vou te cortar em pedacinhos’, diz homem que não aceita fim de romance com amante