Menu
quarta, 28 de fevereiro de 2024 Campo Grande/MS
GOVERNO FEVEREIRO IPVA
Polícia

Polícia realiza batida em conveniências com bebidas suspeitas em Campo Grande

Da operação, cerca de 700 garrafas de bebidas foram apreendidas e uma pessoa foi presa

31 outubro 2023 - 16h17Por Vinicius Costa

Durante a segunda-feira (30), a Decon (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra as Relações de Consumo) realizou uma batida em diversos estabelecimentos comerciais para averiguar as condições das bebidas alcoólicas vendidas em Campo Grande, após denúncia de falsificação. A ação foi acompanhada pelo Procon (Secretaria-Executiva de Orientação e Defesa do Consumidor).

A operação 'Primeiro Gole' vistoriou quatro estabelecimentos no Coophavilla, Santa Fé, Vila Planalto e na Vila Alba. No primeiro bairro, o comércio teve as atividades suspensas por falta de alvará de funcionamento válido, apresentar indícios de falsificação, produtos sem informação em português e a falta do CDC (Código de Defesa do Consumidor).

No final da operação, foram apreendidas 700 garrafas de bebidas alcoólicas, além de mais de 70 cigarros eletrônicos levados, que tem sua comercialização, importação e propaganda proibidos no Brasil.

Uma pessoa foi presa pelos crimes de receptação qualificada, expor à venda produto impróprio para o consumo, descaminho e falsificação.

A Decon também identificou uma falsa central de delivery, operada por empresa, onde as vendas eram feitas por CNPJs falsos, e os endereços para reclamação eram de empresas idôneas, de forma que não havia compromisso com a qualidade do alimento preparado e entregue.

Todas as bebidas alcoólicas falsificadas terão seu conteúdo descartado, enquanto as garrafas seguem para a reciclagem. Já no caso de descaminho, por se tratar de conteúdo original, elas são encaminhadas para a Receita Federal, a fim de que os tributos sejam devidamente pagos.