Menu
domingo, 28 de fevereiro de 2021
Polícia

Secretaria vai investigar conduta de guardas acusados de agredirem coletores de lixo

Caso seja confirmada a conduta antiética dos guardas, eles serão afastados, conforme a secretaria

13 novembro 2020 - 12h25Por Nathalia Pelzl

A Guarda Civil Metropolitana emitiu nota sobre as agressões aos três coletores de lixo, na noite de ontem (12), no Bairro Tijuca, em Campo Grande. 

Conforme registro da ocorrência, os trabalhadores informaram que estavam em horário de descanso na calçada em frente a uma escola municipal, na Rua Panambi Vera, quando guardas desceram de uma viatura com arma em punho, mandaram eles encostarem e os chamaram de vagabundo. 

Os coletores questionaram o motivo da agressividade, sendo que, um dos guardas teria revidado dizendo que eles não sabiam o que era apanhar de verdade. 

Na nota, a Guarda Civil informou que foi acionada por moradores e que no momento da abordagem um dos indivíduos, vestindo apenas uma calça, desferiu ofensas e gestos obscenos a equipe. 

A SESDES (Secretaria Especial de Segurança e Defesa Social) informou que vai apurar a denúncia e que repudia qualquer conduta violenta. 

Caso seja confirmada a conduta antiética dos guardas, eles serão afastados, conforme a secretaria.