ALMS CONTAR 25/06 A 27/06
(67) 99826-0686
PMCG - SLOGAN 17/06 A 30/06

Amarildo aciona justiça para que Marquinhos Trad comprove acusações

CPI da Saúde

13 DEZ 2013
Lucas Arruda
11h40min
Foto: Arquivo Pessoal

Na quinta-feira (12) o deputado estadual Amarildo Cruz (PT) acionou o TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) para que o também deputado Marquinhos Trad comprove as acusações feitas contra ele na imprensa, referentes aos gastos na CPI da saúde. Caso não comprove o petista registrará queixa-crime por injúria e difamação.

Para Marquinhos, esta interpelação foi feita em resposta a que ele já havia feito na quarta-feira (11), onde protocolou representação no MPE (Ministério Público Estadual) para investigar como foram aplicados os R$ 350 mil gastos na CPI.

"Antes dele me interpelar eu já havia interpelado. É como dizem: 'a melhor defesa é o ataque'", afirmou Marquinhos. "Eu só quero que ele preste as contas dos gastos da CPI, não sei porque ele está com tanto medo, só fica rodeando", completou.

Em resposta à ação na justiça, o peemedebista afirma que em sua defesa só dirá a verdade. "Na ação ele diz que eu inventei que havia sido gasto 350 mil na CPI, quando, na verdade, ele mesmo disse isso para diversos veículos da imprensa".

Procurado pela reportagem Amarildo não atendeu os telefonemas e por meio da assessoria, diz que Marquinhos o acusou de ter gasto muito na CPI para a imprensa e por isso entrou com a ação.

CPI da saúde - Em seis meses de trabalho a CPI percorreu onze cidades e analisou aproximadamente 70 mil páginas de documentos, sendo que foram gastos R$ 350 mil, a mais cara das nove criadas pela Assembleia Legislativa até hoje.

Veja também