Menu
Busca sexta, 05 de junho de 2020
GOV FEMINICIDIO
Política

Bancada de MS vota em peso pela medida que autoriza R$ 248,9 bilhões extras para Bolsonaro

Dinheiro garante pagamento de aposentadorias e também vai financiar o Plano Safra e o envio de recurso para Educação

12 junho 2019 - 09h04Por Celso Bejarano, de Brasília
Bancada de MS vota em peso pela medida que autoriza R$ 248,9 bilhões extras para Bolsonaro

Acordo entre o governo de Jair Bolsonaro e o Congresso Nacional garantiu uma operação bilionária à União, em sessão realizada ontem, terça-feira (11) à noite. A medida foi aprovada graças ao sim de 450 dos 513 deputados federais e 61 dos 81 senadores.

Com essa dinheirama, um extra de de 248,9 bilhões, Bolsonaro, por meio de emissão de títulos públicos, garante o pagamento dos benefícios da Previdência Social, benefício da Prestação Continuada, Bolsa Família, Plano Safra e também ouras despesas.

A bancada de Mato Grosso do Sul (3 senadores e 11 deputados federais) votou em peso favorável à medida.

Antes de concordada pelo plenário, a proposta passou pela Comissão Mista de Orçamento, colegiado que conta com o deputado federal sul-mato-grossense Dagoberto Nogueira (PDT), onde foi selado um trato entre representantes do governo e de várias siglas.

Integrantes da força governista prometeram liberar para a Educação R$ 1 bilhão dos recursos atualmente contingenciados;

R$ 1 bilhão ao programa habitacional Minha Casa, Minha Vida;

R$ 550 milhões para as obras de transposição do Rio São Francisco

R$ 330 milhões para bolsas de estudo do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Suspensão de benefícios

Semana passada, Bolsonaro disse que teria de reter, a partir de 25 de junho, o pagamento de benefícios a idosos e pessoas com deficiência caso o Congresso não aprovasse o projeto.

Ele afirmou ainda, se a proposta não fosse aprovada, outros programas poderiam ficar sem recursos nos próximos meses. E citou o Bolsa Família, o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) e o Plano Safra.

Leia Também

‘A senhora levou um pedaço de mim hoje’, diz filho de vítima de coronavírus
Cidade Morena
‘A senhora levou um pedaço de mim hoje’, diz filho de vítima de coronavírus
Rapaz é preso com arma e munições escondido em matagal
Polícia
Rapaz é preso com arma e munições escondido em matagal
Na madrugada, 150 pessoas são abordadas pela Guarda Civil
Polícia
Na madrugada, 150 pessoas são abordadas pela Guarda Civil
Filho de vereadora passa mal e morre durante partida de futebol
Interior
Filho de vereadora passa mal e morre durante partida de futebol