Menu
quarta, 23 de setembro de 2020
Política

Prevenção: Betinho vai cobrar federação de futebol para garantir segurança de jogadores em MS

Parlamentar disse que clubes não são obrigados a ter profissionais da área da segurança do trabalho, mas vai sugerir medidas para evitar tragédias

21 fevereiro 2019 - 17h00Por Rodson Willyams

O vereador Roberto Santana, o Betinho (PRB), disse, em entrevista ao TopMídiaNews, que pretende conversar com o presidente da Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul, Francisco Cesário de Oliveira, para que os clubes do Estado reforcem a segurança predial no sentido de evitar que tragédias como a que aconteceu no Ninho do Urubu, no Flamengo, no Rio de Janeiro.

"Tenho como pensamento procurar o presidente da Federal de Futebol daqui de Mato Grosso do Sul para que a gente possa fazer uma fala neste sentido, sobre a importância dos clubes terem essa preocupação e evitar tragédias como a gente viu acontecer no Ninho do Urubu, no Flamengo", afirma o parlamentar.

Betinho, que também é técnico em segurança do trabalho, afirmou que os clubes não são obrigados a terem um profissional da área em seus quadros de funcionários. "Não há uma exigência legal. Mas nada impede que eles contratem pessoas especializadas e possam fazer o levantamento das instalações. Cada clube tem a liberdade de fazer isso".

Quanto à tragédia do Rio de Janeiro, ele destaca o descaso. "Pelo que eu li, no caso dos Bombeiros, o clube foi notificado 30 vezes para fazer as adequações que deveriam ter no alvará de funcionamento". Mesmo assim, a diretoria deixou a tragédia acontecer e 10 adolescentes morreram no local. 

Leia Também

Homem de 62 anos se masturba enquanto chama criança de oito anos para sexo em Coxim
Interior
Homem de 62 anos se masturba enquanto chama criança de oito anos para sexo em Coxim
De 36 detentos, só dois foram recapturados após fuga em massa por causa da covid no PR
Geral
De 36 detentos, só dois foram recapturados após fuga em massa por causa da covid no PR
Com 836 óbitos no dia, total de brasileiros mortos na pandemia chega a 138 mil
Geral
Com 836 óbitos no dia, total de brasileiros mortos na pandemia chega a 138 mil
Quadro em branco: aula na rede municipal só online e retorno presencial segue indefinido
Cidade Morena
Quadro em branco: aula na rede municipal só online e retorno presencial segue indefinido