TJMS
(67) 99826-0686

Com Mochi presidente, Assembleia faz eleição da Mesa Diretora nesta quarta

Deputados alteraram regimento interno para antecipar eleição

13 DEZ 2016
Airton Raes
16h47min
Foto: Roberto Higa

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, Junior Mochi (PMDB), será reconduzido ao cargo na Mesa Diretora. A eleição na Casa de Leis ocorre nesta quarta-feira (14) e a composição da Mesa terá poucas alterações. Apenas a bancada do PSDB ficou de se reunir nesta terça-feira (13) para decidir os nomes que irão ocupar os três cargos do PSDB na direção.

Apesar de possuir a maior bancada e ter feito pressão para ocupar a presidência ou a primeira-secretaria da Casa de Leis, o PSDB continuou com os mesmos cargos que já ocupava: 1ª vice-presidente, 3º vice-presidência e 3ª secretaria.

O deputado estadual Zé Teixeira (DEM) irá continuar como primeiro-secretário. Na segunda secretaria, cargo tradicionalmente do PT pelo tamanho da bancada, será trocado o deputado Cabo Almi (PT) pelo deputado Amarildo Cruz (PT), seguindo o rodizio determinado pelo partido. A deputada Grazielle Machado (PR) irá continuar ocupando a 2ª vice-presidência.

A eleição dos membros da Mesa Diretora será feita por votação nominal e aberta, considerando-se eleita a chapa ou o candidato individual ou avulso que obtiver a maioria absoluta dos votos. À Mesa Diretora compete a direção dos trabalhos legislativos e dos serviços administrativos da Casa de Leis.

Estão entre as competências dos dirigentes do Parlamento, detalhadas na sessão II, artigo 30 do Regimento Interno: tomar providências necessárias à regularidade dos trabalhos legislativos; assinar resoluções da Assembleia; dar parecer sobre proposições que visem a modificar o Regimento Interno ou os serviços administrativos da Assembleia.

Veja também