(67) 99826-0686
ALMS 13/06 a 12/07

Para Fábio Trad é necessário que haja debate de propostas e perspectivas para o Estado

Eleições

10 DEZ 2013
Ana Rita Chagas
07h00min
Foto: Divulgação

O deputado federal Fábio Trad (PMDB) defendeu, na última segunda-feira(9), uma ampla disputa entres os partidos nas eleições de 2014, em Mato Grosso do Sul. Na avaliação do deputado é necessário que haja debate de propostas e perspectivas para o Estado."O que eu estou sentido é que um dos pré-candidatos, do outro grupo, senador Delcídio parece que está formando uma rede a ponto de impedir que tenha adversário contra ele, e isso não é bom para mato grosso do sul, não é bom para a democracia", disse.

Na oportunidade Fábio Trad defendeu os interesses do clã ao dizer que ex-prefeio Nelson Trad Filho (PMDB) é a única opção dentro do PMDB com condições de enfrentar o petista Delcídio do Amaral. "Nesse sentido eu penso que o PMDB precisa  entender que em uma disputa eleitoral ou ele mostra às ruas a certeza de que quer fazer um governador ou, evidentemente, ele procura outras alternativas, que vão inexoravelmente  ruir o partido que é o que nós não queremos" disparou.


O deputado também comentou sobre a possibilidade da saída de correligionários do partido, em função de divergências. " A impressão que eu tenho é que no máximo dois, ou três políticos de dentro do PMDB estão desviando o foco. Em relação a isso, não há outra saída se não a tentativa do diálogo para lidar com essa adversidade, momentanea" ressaltou.

De acordo com o deputado, o partido é um conjunto de ideias  que precisa  ser obedecido."As divergências dentro do partido  são saudáveis porque pluralizam e oxigenam  a agremiação, mas a partir do momento que divergir dessa questão fechada comete-se infidelidade partidária, então, deve-se tomar outro rumo", acrescentou.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

Veja também