Menu
quarta, 02 de dezembro de 2020
Política

Homex não comparece e CPI fará convite judicial

Novela

07 fevereiro 2014 - 09h00Por Marcelo Villalba

Não foi dessa vez que os vereadores que compõe a Comissão Parlamentar de Inquérito da Homex, conseguiram ouvir os esclarecimentos do responsável pela empresa. Pela segunda vez, a Homex não compareceu para oitiva realizada nesta quinta-feira (6), essa era a última antes do final da CPI,  que busca solucionar os problemas causado pela falta de comprometimento da empresa que decretou falência no país.  

A advogada da empresa enviou uma carta a comissão alegando não ter conhecimento técnico sobre o assunto. Raquel Adriana Malheiros, representa a Homex no Estado. Mas o representante legal da empresa, Rosemário Cavalcante Pimentel, havia sido convocado para depor, ele não se deu ao trabalho nem de enviar uma justificativa para os vereadores.

Com isso a CPI, vai tomar as medidas judiciais cabíveis para intimar a empresa para que compareça a audiência.  O advogado da Comissão, João Ferraz, informou que caso o representante da empresa não compareça com a intimação judicial, será feito então o pedido de prisão.

Diante disso o relator da comissão, vereador Carlão (PSB), e os membros solicitaram à Câmara, mais 30 dias para que os trabalhos sejam concluídos. "Até quando pudermos vamos pedir prorrogação.  Queremos que o representante da Homex venha, nem que seja como ouvinte, mas terá que vir", finaliza. 

Leia Também

Depois de agredir esposa grávida, homem cai de altura de quatro metros e morre no Oliveira III
Cidade Morena
Depois de agredir esposa grávida, homem cai de altura de quatro metros e morre no Oliveira III
Vídeo: roda dupla de caminhão se solta e 'atropela' mulher em calçada em Amambai
É milagre que chama?
Vídeo: roda dupla de caminhão se solta e 'atropela' mulher em calçada em Amambai
Em meio a afastamento, Wilson Witzel se batiza em igreja evangélica do Rio
Geral
Em meio a afastamento, Wilson Witzel se batiza em igreja evangélica do Rio
Plano do Governo prioriza idosos, presos e indígenas na vacina contra a covid
Geral
Plano do Governo prioriza idosos, presos e indígenas na vacina contra a covid