TJMS AGOSTO
Menu
Busca terça, 04 de agosto de 2020
Linha de frente - compet
Política

Maluf é condenado por desvios em obra e fica inelegível por cinco anos

Condenado

04 novembro 2013 - 12h48Por Folha Press

O deputado federal Paulo Maluf (PP-SP) foi condenado nesta segunda-feira (4) no Tribunal de Justiça de São Paulo a pagar uma multa de R$ 42,3 milhões por desvios que ocorreram na construção do túnel Ayrton Senna.

Com isso, Maluf não poderá disputar eleições nos próximos cinco anos por ter sido condenado por um órgão colegiado. A decisão foi unânime. Três desembargadores votaram contra Maluf. Cabe recurso à decisão.

A Lei da Ficha Limpa estabelece que políticos condenados por um colegiado em razão de crimes contra a administração pública ficam excluídos de disputas eleitorais.

A multa terá de ser pega solidariamente por Maluf, Reynaldo de Barros, que era presidente da Emurb na época, Constran e CBPO. Três funcionários da Emurb também foram condenados. Eles terão de pagar multa de R$ 21 milhões mais 10% de multa.

A desembargadora Teresa Ramos Marques considerou que Maluf foi responsável pelo superfaturamento da obra, inaugurada em 1995. Segundo o voto dela, não há dúvidas de que Maluf acompanhou a construção do túnel e autorizou a suplementação de verbas.

"É óbvio que Maluf sabia sobre os valores superfaturados. O túnel Ayrton Senna era a obra mais importante da administração dele", disse o promotor Roberto Livianu, que sustentou o voto da acusação.

Leia Também

Marquinhos garante: não há necessidade de fechar tudo em Campo Grande
Cidade Morena
Marquinhos garante: não há necessidade de fechar tudo em Campo Grande
Enquanto presos enviam cartas pedindo socorro, filho de desembargadora retorna ao conforto do lar
Polícia
Enquanto presos enviam cartas pedindo socorro, filho de desembargadora retorna ao conforto do lar
Bombeiros socorrem morador atingido na cabeça com facão em aldeia de Dourados
Interior
Bombeiros socorrem morador atingido na cabeça com facão em aldeia de Dourados
Beirute tem explosão em área próxima ao porto
Geral
Beirute tem explosão em área próxima ao porto