tjms julho
Menu
Busca sexta, 10 de julho de 2020
REFIS SAUDE
Política

PF faz buscas contra governador do RJ em investigação sobre hospitais de campanha

A PF afirmou que Witzel e a esposa, Helena, são investigados

26 maio 2020 - 07h18Por Nathalia Pelzl

A Polícia Federal (PF) iniciou a Operação Placebo, sobre suspeitas de desvios na Saúde do RJ para ações na pandemia de coronavírus.

Conforme o G1, na manhã de hoje, estão sendo cumprido 12 mandados de busca e apreensão -- um deles no Palácio Laranjeiras, residência oficial do governador Wilson Witzel (PSC).

A PF afirmou que Witzel e a esposa, Helena, são investigados. A operação foi autorizada pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), responsável por ordenar ações contra governadores, ainda conforme o site.

Há 15 dias, o Ministério Público do RJ comunicou a Procuradoria Geral da República sobre citação ao Witzel nas investigações.

Equipes também foram mobilizadas para a casa onde Witzel morava antes de ser eleito, no Grajaú, e no escritório de advocacia do governador, que é ex-juiz federal.

O Governo do Estado do Rio ainda não se posicionou.

Outro alvo da ação desta terça é o Iabas (Instituto de Atenção Básica e Avançada à Saúde), a Organização Social contratada pelo governo do RJ para a construção de sete hospitais de campanha no estado.

Agentes foram para São Paulo, onde fica a sede do Iabas.

Leia Também

Mulher morre em batida de caminhão e carro na BR-163
Interior
Mulher morre em batida de caminhão e carro na BR-163
Homem de 77 anos com suspeita de covid morre em São Gabriel D’Oeste
Cidades
Homem de 77 anos com suspeita de covid morre em São Gabriel D’Oeste
Grupo de pagode Buxixo faz live solidária com grandes sucessos dos anos 90
Cidade Morena
Grupo de pagode Buxixo faz live solidária com grandes sucessos dos anos 90
18 meses após tragédia, Bombeiros encontram mais um corpo em Brumadinho
Geral
18 meses após tragédia, Bombeiros encontram mais um corpo em Brumadinho