FIEMS JUNHO

segunda, 17 de junho de 2024

Busca

segunda, 17 de junho de 2024

Link WhatsApp

Entre em nosso grupo

2

WhatsApp Top Mídia News
Política

20/07/2018 13:12

Puccinelli e filho já estão encarcerados no Centro de Triagem

Eles foram levados para o mesmo presídio que ficaram detidos em novembro

O ex-governador André Puccinelli, pré-candidato ao governo de Mato Grosso do Sul e o filho, o advogado André Puccinelli Júnior, presos na manhã desta sexta-feira (20), em Campo Grande, já estão encarcerados no Centro de Triagem Anísio Lima, no Jardim Noroeste, onde fica o complexo penitenciário da cidade.

Os dois foram detidos no âmbito da Lama Asfáltica, operação da Polícia Federal que investiga suposto esquema de corrupção, lavagem de dinheiro, superfaturamento de obras e fraudes em licitações. Tais delitos, segundo a PF, ocorreram nas duas gestões do emedebista (2007-2014).

Pai e filho chegaram ao presídio numa Van que entrou direto para o pátio do estabelecimento. Não houve contato com a imprensa O veículo saiu de lá dez minutos depois já sem o dois.

Ainda na manhã desta sexta, a PF prendeu o advogado João Paulo Calves, que já foi sócio do Instituto Ícone do Direito, empresa de André Júnior. De acordo com PF, dinheiro de propina paga pelo JBS, maior empresa do mundo em produtos de origem animal, passou pelas contas do instituto. Calves não foi levado para o centro de triagem e aguarda vaga noutro presídio.

Puccinelli pai e Puccinelli filho vão dividir celas com o ex-deputado federal Edson Giroto e o cunhado Flávio Schrocchi, o empreiteiro João Amorim e o ex-prefeito de Paranaíba, Beto Mariano, que já estão no Centro de Triagem desde maio passado. 

A exceção de Schrocchi, os detidos ocupavam cargos importantes na gestão de Puccinelli e teriam participação na trama que levou o ex-governador para a prisão.

Puccinelli e o filho tinham sido presos no dia 14 de novembro do ano passado, mas eles ficaram um dia apenas na cadeia.  Por determinação do desembargador Paulo Fontes, do TRF-3 (Tribunal Regional Federal) da 3ª Região, os Puccinelli foram postos em liberdade por meio de um habeas corpus, em caráter liminar.

Na manhã desta sexta-feira, Renê Siufi, advogado de Puccinelli disse que ainda examinava o caso para ingressar com recurso.

 

 

Loading

Carregando Comentários...

Veja também

Ver Mais notícias
AMIGOS DA CIDADE MORENA ABRIL NOVEMBRO