Menu
Busca sexta, 10 de julho de 2020
REFIS SAUDE
Política

Temer chega à Índia para participar de encontro de cúpula dos Brics

Presidente desembarcou na cidade de Goa acompanhado da primeira-dama

15 outubro 2016 - 10h33Por Globo

O presidente Michel Temer chegou na manhã deste sábado (15) à cidade de Goa, na Índia, onde vai participar de encontro de cúpula dos Brics, bloco de países emergentes que reúne Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul.

Temer desembarcou acompanhado da primeira-dama, Marcela Temer, e de ministros da comitiva brasileira, entre eles José Serra (Relações Exteriores) e Marcos Pereira (Indústria, Comércio Exterior e Serviços), além o secretário do Programa de Parcerias e Investimentos (PPI), Moreira Franco.

Na descida do avião, o presidente e a primeira-dama foram recebidos pelo general Kumar Singh, ministro da Índia para assuntos externos.

O primeiro evento do qual Temer participou em Goa foi um almoço oferecido pela Federação  das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro. À tarde, no horário local (8h30 a mais que Brasília), ao presidente vai participar do Fórum de Diálogo Índia, Brasil e África do Sul (Ibas).

Agenda

No domingo, o presidente dedicará a agenda aos encontros da cúpula, que terá como objetivos neste ano "institucionalização do bloco"; "implementação de decisões de encontros anteriores"; "integração entre mecanismos existentes"; "inovação de acordos"; e "continuidade de atos".

Após participar da cúpula, Temer terá a chamada reunião bilateral com o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi. Há uma previsão de que os dois almocem juntos e assinem atos de cooperação entre o Brasil e a Índia nas áreas agrícola e ambiental.

Na última terça (11), o porta-voz da Presidência, Alexandre Parola, afirmou que a visita de Temer a Narendra Modi tem como objetivo "reforçar a presença brasileira na Ásia".

Parola disse ainda que a reunião do Brics é uma oportunidade de o presidente Temer mostrar "o novo Brasil" que, segundo ele, o governo está construindo, com "maior credibilidade e responsabilidade fiscal".

Japão

Encerrada a agenda na Índia, Temer seguirá, na noite do dia 17, para Tóquio, capital do Japão, onde deverá desembarcar na terça (18), e terá, ao longo do dia, reuniões na embaixada brasileira na cidade.

Esta será a primeira visita de um chefe de Estado brasileiro ao país asiático em 11 anos. Em novembro de 2015, a então presidente Dilma Rousseff chegou a marcar uma viagem ao país, mas a cancelou, o que gerou um mal-estar diplomático.

Para o dia 19, estão previstos na agenda do presidente uma reunião com o imperador Akihito, no Palácio Imperial, e um almoço com empresários brasileiros e japoneses (no qual Temer buscará atrair investimentos estrangeiros).

Já no dia 20, último dia da viagem internacional, Temer deverá se reunir com o primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, para, em seguida, embarcar de volta ao Brasil. A previsão é que o presidente chegue a Brasília na sexta (21).

 

Leia Também

Mulher morre em batida de caminhão e carro na BR-163
Interior
Mulher morre em batida de caminhão e carro na BR-163
Homem de 77 anos com suspeita de covid morre em São Gabriel D’Oeste
Cidades
Homem de 77 anos com suspeita de covid morre em São Gabriel D’Oeste
Grupo de pagode Buxixo faz live solidária com grandes sucessos dos anos 90
Cidade Morena
Grupo de pagode Buxixo faz live solidária com grandes sucessos dos anos 90
18 meses após tragédia, Bombeiros encontram mais um corpo em Brumadinho
Geral
18 meses após tragédia, Bombeiros encontram mais um corpo em Brumadinho