Menu
quarta, 28 de fevereiro de 2024 Campo Grande/MS
GOVERNO FEVEREIRO IPVA
Saúde

Mato Grosso do Sul recebe quase 42 mil doses da vacina contra a dengue 

1ª remessa será para crianças e adolescentes de 10 e 11 anos

09 fevereiro 2024 - 11h53Por Angélica Colman

Mato Grosso do Sul vai receber 41.783 doses da vacina contra a dengue do Ministério da Saúde referente a 1ª remessa para operacionalização da estratégia de vacinação contra a Dengue.

Ao todo, 33 municípios que compõe a macrorregião de saúde de Campo Grande receberão os imunizantes. Por ora, o Ministério da Saúde ainda não informou o horário da chegada do imunizante, que pode acontecer até a próxima segunda-feira (12).

O público-alvo nesse primeiro momento serão crianças e adolescentes de 10 e 11 anos, faixa etária que concentra o maior número de hospitalização por dengue, dentro do quadro de crianças e adolescentes de 6 a 16 anos. O esquema vacinal será composto por duas doses com intervalo de três meses entre as doses. A recomendação é que a vacinação seja iniciada pela administração de D1. As demais doses para D2 serão enviadas posteriormente considerando o intervalo recomendado de 3 meses entre as doses.

A distribuição das doses aos municípios foi determinada com base em três critérios principais: o ranqueamento das regiões de saúde e municípios, o quantitativo necessário de doses para a população-alvo conforme a disponibilidade (prevista pelo fabricante) e o cálculo do total de doses a serem entregues em uma única remessa ao município.

Os municípios elencados são: Campo Grande (24.639 doses), Costa Rica (771), São Gabriel do Oeste (834), Maracaju (1.223), Jardim (731), Coxim (929), Guia Lopes da Laguna (297), Sidrolândia (1.435), Pedro Gomes (182), Chapadão do Sul (945), Rochedo (156), Anastácio (739), Camapuã (338), Bonito (715), Figueirão (108), Nova Alvorada do Sul (764), Aquidauana (1.460), Jaraguari (209), Miranda (883), Dois Irmãos do Buriti ((338), Sonora (434), Ribas do Rio Pardo (746) Alcinópolis (115), Caracol (149), Corguinho (161), Bela Vista (683), Rio Verde de Mato Grosso (549), Paraíso das Águas (184)Terenos (506), Rio Negro (129), Nioaque (390), Porto Murtinho (463), Bodoquena (269) e Bandeirantes (221).

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) reitera que a estratégia de vacinação do Ministério da Saúde pode sofrer alteração ao longo da campanha de vacinação.