(67) 99826-0686
Na Lata - Conteúdo de alto Teor

Na Lata: mais um tarado ataca e Campo Grande vive epidemia de maníacos nos ônibus

E uma cobrança: cadê os homens desses ônibus? Ninguém se mexe não? Todo mundo pianinho pra tarado?

10 NOV 2017
Vinícius Squinelo
09h00min
Foto: Reprodução

Depois do flagra de um homem se masturbando na linha 063 (Terminal Moreninhas – Aero Rancho, foto ao lado), mais e mais relatos de tarados nos ônibus de Campo Grande chegam ao conhecimento do TopMídiaNews.

Agora, o ‘novo’ maníaco ataca na linha 081, também em Campo Grande. Esse não se masturba, mas fica alisando e passando a mão nas mulheres. Uma falta de respeito!

E uma cobrança: cadê os homens desses ônibus? Ninguém se mexe não? Todo mundo pianinho pra tarado? E se fosse com a filha de vocês? Sem contar a falta de segurança vivida pelas campo-grandenses. 

Veja o mais recente relato de medo (na íntegra, com possíveis erros de português):

"MENINAS que pegam ônibus de manhã, entre 06:30 e 08:30, cuidado com esse homem. Normalmente eu pego ônibus esse horário pra ir trabalhar, faz uns dias já que peguei um e sentei ao lado dele, aos poucos ele vai abrindo mais o braço pra conseguir encostar em você, a mão vai descendo e em poucos minutos já está na sua perna. Hoje peguei o mesmo ônibus e vi ele sentado e uma menina ao lado, sim, ele já estava fazendo a mesma coisa com ela, fiquei na frente dos dois, quando a mão dele chegou na perna dela, ela me olhou, eu disse que estava vendo e comecei a gritar e mandei ele tirar mão, ela começou a chorar e as pessoas ficaram olhando. Depois que desci do ônibus, três meninas incluindo a que ele tinha passado a mão hoje, vieram agradecer e falar que também já tinham passado por isso com esse mesmo cara. Meninas se tiver acontecendo algo, peça a ajuda de uma mulher, no ônibus tinha vários homens e claro que eles não fizeram nada e vai ser muito difícil você encontrar algum que faça. Você não tem que deixar de ir sentada, só porque no banco tem um babaca que acha que tem o direito de passar a mão no seu corpo. Não levante e vá embora como se nada tivesse acontecido. TEM QUE EXPOR MESMO.”

Veja também