TCE MAIO
(67) 99826-0686
PMCG - Prestação de contas

Ao som de blues, trio de churrasqueiros estreia técnica norte americana com 1º smoke pit de MS

Meatheads aposta no sistema ‘low and slow’ na churrasqueira, que deixa a carne defumada e desmanchando

28 OUT 2016
Amanda Amaral
16h31min
Foto: Divulgação/Meatheads

Depois de muita pesquisa, a esperada novidade preparada pelos churrasqueiros profissionais do Meatheads é inaugurada. O trio de amigos que tem paixão pela carne e a prepara com maestria em festas e eventos traz um aparato até então inédito em terras sul-mato-grossenses, o smoke pit, que promete deixar qualquer peça de carne com textura macia.

A churrasqueira é tradicional nos Estados Unidos, mas pouco conhecida por aqui, e por essa razão Igor Samczuk, Bernardo Fernandes e Adriano Torres, os ‘Meatheads’, resolveram trazer essa técnica para Campo Grande, com cara de ‘food truck’. Os cortes assam longamente na churrasqueira fechada, no sistema ‘low and slow’, o que também costuma conferir à carne aroma e sabor defumados.

Foto: Reprodução/Facebook

“Essa é uma forma de churrasco bastante conhecida principalmente no sul dos EUA, mas é uma grande diferença do que é feito no Brasil, Argentina ou Uruguai. Nesse sistema, temos um grande cilindro e, separado ao lado, um encaixe para o fogo. A fumaça que sai da lenha entra no cilindro e aquece o sistema defumando a carne, em um processo que pode levar até doze horas”, explica Igor.

Para a grande estreia oficial do ‘churras diferenciado’, foi preparado um almoço especial ao som de banda de blues e com cervejas artesanais, que acontece neste sábado (29) a partir das 12h, na Casa do Chef, que fica na Rua Euclides da Cunha, número 360, Centro. O custo para provar o pernil e batatas defumados e cebolas é de R$ 15 a porção individual e R$ 25 para duas pessoas.

Meatheads

O Meatheads, conforme definição dos criadores, se trata de um laboratório experimental para encontrar a melhor versão de cada tipo de corte, para levá-la de encontro a quem também é ‘carnívoro’ e preza pela qualidade. Leia mais sobre.

Foto: André de Abreu/Arquivo

Para saber mais, acesse a página do Meatheads no Facebook, clicando aqui.

Veja também