TJMS AGOSTO 2022
TOP MIDIA INSTITUCIONAL
Menu
terça, 09 de agosto de 2022 Campo Grande/MS
SENAI SUPER BANNER JULHO E AGOSTO 2022
SENAI MOBILE JULHO AGOSTO 2022
SENAI MOBILE JULHO AGOSTO 2022
Campo Grande

Caminhão carregado com mercadorias pega fogo e assusta moradores; prejuízo ainda é calculado

Entre as mercadorias, TVs, tênis, micro-ondas, coifas e outros; responsável pela empresa fala que não tem como calcular o prejuízo

19 março 2019 - 14h55Por Nathalia Pelzl

Um caminhão-baú carregado com mercadorias de São Paulo, que seriam entregues em Campo Grande, pegou fogo na tarde desta terça-feira (18) e tumultuou o trânsito na rua Rodolfo José Pinho, no bairro Jardim Bela Vista. 

O motorista do veículo da empresa Total, Leandro de Oliveira, de 39 anos, conta que vinha da cidade de Três Lagoas e seguia na Avenida Eduardo Elias Zahran quando foi avisado por um condutor que o veículo estava pegando fogo. Sem ter como parar na Avenida, ele virou na Rodolfo José Pinho, pediu uma mangueira a uma moradora e começou a fazer a retirada dos itens de dentro do veículo.

Entre as mercadorias, TVs, tênis, micro-ondas, coifas e outros.

Assustada, a moradora Gildete Marques, 62 anos, conta que viu a fumaça e assustou achando que vinha de sua caminhonete da garagem, no entanto, quando saiu, viu o motorista do caminhão desesperado e pegou a mangueira para conter as chamas.

 "Peguei e emprestei a mangueira, chamei o Corpo de Bombeiros e ajudamos a tirar as coisas do veículo", conta.

Fazendo uma consultoria em Campo Grande, Adriano Marques, responsável pela empresa Total em São Paulo, contou que a mercadoria ia ser descarregada a quatro quilômetros do local do acidente e que ainda não dá para calcular o prejuízo.

“Não tem como calcular o valor, muitos equipamentos. Pela carga que estava no caminhão, algum equipamento eletrônico pode ter causado o incêndio, no entanto só a perícia vai poder dizer”, afirmou.

O tenente Falcão, do resgate do Corpo de Bombeiros, ressaltou que o incêndio começou próximo à cabine do motorista e pode ter sido causado por algum componente químico que entrou em combustão devido ao calor.

Ninguém se feriu.

(Foto: Wesley Ortiz)