Menu
sexta, 26 de novembro de 2021 Campo Grande/MS
ALMS - NOVEMBRO
Campo Grande

Faça chuva ou faça sol, moradores do Jardim Cerejeiras continuam convivendo com lamaçal e poeira

Alguns moradores já tiveram a casa invadida por enxurrada da chuva

25 novembro 2018 - 13h30Por Dany Nascimento

Após dez meses, o TopMídiaNews voltou até a região do bairro Jardim Cerejeiras, em Campo Grande, onde os moradores alegavam que tinham como vizinhos mais próximos a lama e a poeira, já que o local possui diversas ruas sem pavimentação asfáltica. E o que mudou na região? Nada.

Segundo os moradores, o cenário continua o mesmo e o sofrimento é diário, já que em dias de sol, a população encara poeira e em dias chuvosos, a lama chega a impedir os moradores de sair de casa. De acordo com Ricardo Pereira, 26 anos, que reside no local há dez anos, passa ano e sai ano, e a situação continua igual.

“Aqui a única coisa que muda são os moradores, porque a situação do bairro não muda. Faz tempo que não passa nem cascalhamento, mesmo que passe, na primeira chuva tudo volta ao normal. Tem morador que não consegue sair de casa quando chove, fica ilhado”, diz o jovem.

Nova na região, Maria Pedro Vilela, 68 anos, que reside na rua Joaquina de Amaral afirma que um rio se forma em dias chuvosos e a melhor alternativa, é se trancar em casa. “Vira um rio de lama e a água tem correnteza forte. Não podemos sair de casa quando isso acontece, a melhor saída é ficar dentro de casa. Eu moro aqui apenas há um ano e já passei apuro aqui”.

Questionada sobre se arrepender de ter mudado para a região, a aposentada afirma que não se arrepende porque conquistou a casa própria e agora sonha com melhorias no bairro. “Eu gosto daqui, só precisamos que prefeitura tome providências, porque os moradores ficam ilhados. Ainda não vi equipes passando máquinas para arrumar as ruas”.

José Carlos Cruz, 49 anos, que residente na região há cinco anos destaca que já teve a casa invadida por lama. “Uma vez choveu tão forte, que a água invadiu a minha casa. Fiquei assustado, estava com minhas filhas dentro de casa, mas graças a Deus foi só um susto, quando a chuva parou, começamos a tirar a lama com a inchada. O jeito é se virar com as próprias mãos”.

Prefeitura

O TopMídiaNews entrou em contato com a prefeitura da Capital,  que informou que a reclamação será encaminhada para a Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos

 

 

Leia Também

Corpo de pescador que fugiu da polícia é achado no Rio Aquidauana
Interior
Corpo de pescador que fugiu da polícia é achado no Rio Aquidauana
Por 3x1, STF ordena desbloqueio dos bens de Lula
Geral
Por 3x1, STF ordena desbloqueio dos bens de Lula
Cassems está com paciente de covid em estado grave e alerta: 'não era vacinado'
Campo Grande
Cassems está com paciente de covid em estado grave e alerta: 'não era vacinado'
Bolsonaro é contra Carnaval, mas aglomerou muito; deputados indicam incoerências
Política
Bolsonaro é contra Carnaval, mas aglomerou muito; deputados indicam incoerências