Menu
sexta, 26 de novembro de 2021 Campo Grande/MS
CAMARA - vacinaçao
Campo Grande

Polícia Municipal: Guarda Municipal muda de nome e recebe armas para atuar na Capital

Metade do efetivo dos policiais municipais está apto a usar armas de fogo

23 outubro 2018 - 09h52Por Dany Nascimento e Anna Gomes

Acontece, na manhã desta terça-feira (23), a solenidade que modifica o nome da Guarda Municipal para Polícia Municipal, no Comando da Polícia Municipal em Campo Grande. O evento marca também a entrega do armamento Letal, calibre permitido em lei, para 277 agentes e a identidade funcional com o respectivo número do porte previstos na Portaria Nº 1274 – Superintendência Regional de Policia Federal /MS, de 1º de outubro de 2018.

Como o projeto foi aprovado pela Câmara Municipal, a partir de hoje, metade do efetivo de 1.180 policiais municipais está apto a usar arma de fogo. Eles passaram por um processo envolvendo pesquisa social, psicológica e participaram de um curso de formação. No total, foram 600 horas de preparação, mas não estarão todos armados nas ruas, já que as armas são doações da Polícia Militar, que estão sendo entregues gradativamente ao efetivo.

De acordo com o presidente do Sindicato da Categoria, Hudson Bonfim, a intenção é proteger a integridade física dos Policiais Municipais. “O armamento é um grande passo para a categoria, para os novos policiais e a intenção não é amedrontar a população. Cidadão de bem já respeitava a gente estando armado ou não. Esse passo é para manter a integridade física dos servidores que acabam enfrentando bandidos armados, seria uma forma de enfrentar”.

Participam do evento, o prefeito Marquinhos Trad (PSD), o secretário municipal de segurança Valério Azambuja, o vereador Fritz, que colaborou com a proposta, entre outros.

Capacitação

A SESDES capacitou os servidores em parceria com a Superintendência Regional de Policia Federal e a Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública, na Academia de Polícia Civil do Estado de Mato Grosso do Sul, no primeiro Semestre de 2018, onde profissionais da Segurança Pública irão desempenhar suas funções nas 07 regiões urbanas de Campo Grande e nos Distritos de Rochedinho e Anhanduí.

Leia Também

Corpo de pescador que fugiu da polícia é achado no Rio Aquidauana
Interior
Corpo de pescador que fugiu da polícia é achado no Rio Aquidauana
Por 3x1, STF ordena desbloqueio dos bens de Lula
Geral
Por 3x1, STF ordena desbloqueio dos bens de Lula
Cassems está com paciente de covid em estado grave e alerta: 'não era vacinado'
Campo Grande
Cassems está com paciente de covid em estado grave e alerta: 'não era vacinado'
Bolsonaro é contra Carnaval, mas aglomerou muito; deputados indicam incoerências
Política
Bolsonaro é contra Carnaval, mas aglomerou muito; deputados indicam incoerências